1.5.08

Jogo Duro

É forte, desde a semana passada, a pressão da Casa Civil e da Consultoria Geral do Estado sobre o G-10. O deputado Luis Sefer (DEM), por exemplo, sentiu na veia o encosto do consultor geral Carlos Botelho. Pode cair a, digamos, taxa de glicose do deputado.
O G-10 diz que vai pedir que o governo libere a relação dos pleitos do bloco, para a opinião pública julgar a taxa de fisiologismo dos parlamentares.

6 comentários:

Anônimo disse...

Será que vão tirar do Deputado Sefer, o hospital regional de Redenção, que o ex governador Simão Jatene deu pra ele, no final do seu governo?

JUNIOR disse...

Juca acho que o Deputado tem que botar a barba de molho,puty está no rastro do G10 e a ordem é desmontar.

Blog do Alan Wantuir disse...

o eleitor tinha era que criar vergonha na cara e nunca mais votar num deputado imbecil e inoperante como esse tal de Seffer. Em que mãos fomos parar!!!!

Anônimo disse...

O problema é que os eleitores do Seffer, quando votaram nele, estavam SEM FÉ!

Anônimo disse...

Morram os invejosos.
G-10 neles.

Nicolau Duranz Villegagnon disse...

Desmontar o G-10 não precisa de nada além do que cortar os acordos firmados. Ou seja, não selar novos e destruir os velhos. No mais, chamem os deputados de bandidos, direita, fascistas etc. Pronto!
Se quiser fazer consegue, mas parem com essa demagogia esquerdóide de "vamos pegar", "vamos desmontar", ora pois.
Na verdade o que está em jogo não é acabar com o G-10 e sim, no imaginário dos ideólogos da Casa Servil, tentar reduzir a cotação do "mensalão".
Infelizmente, não tem aula de governabilidade que resolva, vão aprender às duras penas na peia do empirismo.