27.7.07

Lauande Resiste

Melhora da pressão arterial (utilizando menores doses de drogas vasoativas) mas ainda com muito desconforto respiratório, necessitando de curare (bloqueador neuromuscular utilizado para paralisar a musculatura respiratória) para se manter estável no respirador.
Pela manhã, necessitava de 50 ml/h de noradrenalina para manter boa Pressão Arterial Média (PAM).
No momento, utiliza apenas 15 ml/h.
Ainda grave, a despeito da pequena tendência de estabilização.


-----

Informações das 18:30 horas, repassadas ao blog por e.mail, de um médico irmão que acompanha o caso de perto.

9 comentários:

Val-André Mutran disse...

Estouabeleciment em oração pelo pronto restabelecimento do amigo.

Força Luande, com o teu imenso talento tens muito o que contribuir conosco.

Anônimo disse...

Espero que o cara escape desta. Aí em Belém, como aqui em Marabá, a coisa está feia mesmo.
Juvêncio, tu que és bem iformado, é verdade que o Jader Filho mandou não publicar mais os artigos do Parsifal porque ele falou mal da Vale no Diário? O blog do Val-André que disse. Se o cara faz isto com o Parsifal, imagine com os outros...
É verdade que tem tres domingos que eu não vi mais os artigos dele no Diário.

Aline Vaz

Juvencio de Arruda disse...

Boa noite Aline.
Eu li esta mesma indagação de uma parauapebense no blog do Val-André hoje a tarde.
Não soube de nada, mas acho estranho. Parsifal sempre se manifesta com equilíbrio e elegância, e não considero ofensivas ou injustas suas colocações sobre a CVRD.
Esta, por sua vez, não iria apertar a folha sobarncelhuda pelas mesmas razões, além de outras.
O Val-André convidou o deputado para se manifestar sobre o episódio lá nos Corredores, e eu convido vc a ficar de olho no blog do Val, clicando no nome dele aí em cima.
Um abraço e bem vinda ao blog, Aline.

Ivan Daniel disse...

Juvêncio, também tô mentalizando positivo pelo Lauande. Cheguei ontem de viagem e hoje pela manhã o Hemopa me chamou pra doar sangue pra uma pessoa que precisava com urgência... mas recebi o recado só no final do dia. Será que era pro Lauande? Meu celular mudou de número, então ligaram pra minha casa... sou doador cadastrado no banco de sangue do Hemopa. Amanhã vou lá.

Quaradouro disse...

Desde ontem tento contactar o blog pra saber mais sobre nosso Lauande, mas não deu: há sempre um entrave dos capetas.Nem como anônimo (subscrito), nem pela porra do blog.
mas vamos ao que interessa: primeiro, minha solidariedade ao grande blogueiro e sua família - nós aqui estamos torcendo pela sua recuperação; depois, para lhe dizer, professor, que você não está sozinho na sua angústia. Por fim, para lamentar que a leniência do Estado com a segurança pública tenha se tornado um estímulo à bandidagem em todo o Brasil.
Se não temos saída, que nos dêem pelo menos o direito de morrer lutando, de arma em punho, nesta faroeste cada vez mais sangrento.
Às armas!

Juvencio de Arruda disse...

Bom dia, poeta. Não sei o que pode ter acontecido com os comentários...as vezes isso rola mesmo.
Estamos aguardando as notícias de hoje do Lauande. Assim que receber eu postarei.
Abs

crisblog disse...

Juca, ontem à tarde estava na casa da Telma Lobo quando ela recebeu a notícia pelo telefone através de outra amiga.

Fiquei triste. Muito triste.

Estou torcendo para que ele saia dessa. Força ele tem!

Beijos.

JOSÉ DE ALENCAR disse...

Juvêncio e amigos leitores.


Lauande não está mais fisicamente entre nós.
Perdeu a batalha contra a morte, mas venceu a barbárie.
Seu martírio não será em vão. Onde ele agora está, a barbárie não o alcança.
Agora é dar força à família, respeitar o legado e continuar a sua luta pela democracia, pela paz, pela justiça, pela liberdade e por tudo que é belo neste mundo cercado de barbárie por todos os lados.

Anônimo disse...

Que Deus o guarde ao seu lado e alivie as dores de sua família.
Não o conhecia, mas pelas manifestações do blog,vai fazer muita falta.Paz a sua alma e força para a sua família.
Vic