29.7.07

A Pedra do Caminho

O pessoal da deputada estadual Bernadete ten Caten (PT), primeira colocada na legenda com mais de 36 mil sufrágios, trabalha incessantemente na estratégia de sua candidatura para a prefeitura de Marabá no ano que vem.
Não tem acordo possível com o deputado federal Asdrúbal Bentes (PMDB) - seu de rancho na bem sucedida dobradinha em 2006 - em que pese o som cada vez mais abafado do trombone nefasto do Sobrancelhudo; não tão nem aí pro preferido do prefeito Tião Miranda, que corre o risco de amadurecer no cacho , tais as copas em que se fecha; e acham que os outros pretendentes não são páreo para Bernadete.
Preocupação dos vermelhinhos? Ah...tem uma sim.
Chama-se João Salame, deputado pelo PPS e minhoca, ou seja, filho da terra.

----

Mas falta combinar essa parada com o cuore da coalizão: a governadora Ana Julia e o nacional Jader Barbalho.
Marabá é absolutamente estratégica prá sobrevivencia do nefasto, que vai desprender todo seu estoque de enxofre para garantir essa vitória.

3 comentários:

Socialista disse...

Juca,
Confirmado no Diario Oficial de amanha(30/07/2007):Paulo de Tarso Ribeiro da Silva,da corrente Articulação, leia-se Paulo Rocha, nomeado para secretário adjunto da SESPA;Fernando Jorge da Azevedo, para a Diretoria Administrativa e Finaceira da SESPA(bancário do BB, homem de confiança da governadora) e Danielle Soares Cavalcante para a Diretoria Tecnica da SESPA indicada pelo PT.Ainda faltam nomeações para as outras diretorias.

Anônimo disse...

Bernadete é candidatissima. Só abriria mão de concorrer se o candidato do PT for o seu marido, Luis Carlos, assessor de Ana Júlia na área de planejamento.

Anônimo disse...

Grandes nomes. Enfim o PT avança para dentro desse governo atucanado. Danielle Cavalcante vem a ser prima de um publicitário famoso na cidade. É ligada a Paulo Rocha, que, enfim, começa a tomar espaço merecido.