27.4.06

Nota Dez

Do site do PSB nacional, com negrito nosso sobre as tres questões que, em nossa opinião, deveriam ter sido o tripé da nota da seção regional do partido, conforme comentário no post Farelo.


A Comissão Executiva Nacional do Partido Socialista Brasileiro, surpresa, tomou conhecimento, pelo noticiário da imprensa, das acusações que pesam sobre o ex-senador Ademir Andrade, supostamente em razão de delitos que teriam sido cometidos no âmbito da Companhia Docas do Pará, presidida pelo ex-senador até março último.

Ao tempo em que reitera seu apoio à apuração desses feitos e de toda e qualquer irregularidade que envolva o interesse público, com a punição de todos os responsáveis após o devido processo legal, ressalta que não tem conhecimento, na longa vida pública e partidária do ex-senador Ademir Andrade, de qualquer ato que desabone.

Decidiu, por fim, a Comissão Executiva Nacional do Partido Socialista Brasileiro determinar ao Conselho de Ética do Partido que apure de forma rigorosa e em regime de urgência os fatos imputados ao ex-senador Ademir Andrade.

4 comentários:

Anônimo disse...

Um modelo para a executiva estadual do PSB. A nota nacional deixa claro que não tem informações sobre ações desabonadoras praticadas por Ademir, mas não entra no chororô vazio de manobras políticas e quejandos. Tá na hora dos socialistas paraenses tomarem umas lições com os outros socialistas brasileiros e pararem com imbecilidades.

Val-André Mutran disse...

Juvêncio.
A sua análise esteve correta desde o princípio e nossos comentários bateram com o que foi (veio) de Brasília da Executiva Nacional que reuniu-se ontem das 14 às 21:00 em seu escritório central.
Só para registro.

Juvencio de Arruda disse...

É verdade Val-André, eu fui lá nos Corredores e vi.E voce bem que poderia acompanhar esse p´rocesso no Conselho de Ética do PSB e informar prá gente,que tal?
Abs.

Juvencio de Arruda disse...

Anonimo, a nota o PSB nacional já indica o que voce sugere.Já bateu na consciencia, ao que parece.
Em Santarém,o candidato a deputado federal do PSB,o ex secretario de Turismo do governo de Everald..ops, Maria do Carmo, que contava com os votos de Ademir para se eleger, já está com a toalha no chão e se bandeando para as hostes barbalhianas, cujas algemas já foram abertas.