31.5.06

Peixe na Rede

Fisgado um município paraense envolvido em operações irregulares na compra de ambulâncias.
É Bagre.
A CGU alerta que não está necessàriamente envolvido na Operação Sanguessuga.
Mas podem chamar de "Operação Piolho", pois o "sangue" também foi chupado.

2 comentários:

Alex Lacerda de Souza disse...

O problema de ambulâncias nas prefeituras do interior não se restringe aos "hematófagos".
Vejo, a cerca de 15 dias, uma ambulância de Anajás em Belém. Em Anajás não tem rua que suporte trânsito maior que motocicletas, a exceção do aeroporto, que também é campo de futebol, sendo o maior acesso a sede do município por barcos, a partir de Breves. Mesmo sem provar nada, acho estranho isso.

Juvencio de Arruda disse...

Voce tem razão em achar isso estranho, Alex, e é.
Conheço Anajás, há trinta e cinco anos,e sei que não há sistema viário na cidadezinha,mais do que meia duzia de ruas.Bagre é igual.
Deve ser por isso que a ambulãncia...roda em Nova Déli.
Obrigado pelo comentário.