25.3.08

MPF Inspeciona PSM do Umarizal

A Procuradoria dos Direitos do Cidadão no Pará realizou inspeção de surpresa hoje (25) no Hospital de Pronto-Socorro Municipal Mário Pinotti, o maior da capital paraense. Participaram a procuradora da República Ana Karízia Teixeira, dois analistas ligados ao Ministério Público Federal e dois peritos do Departamento Nacional de Auditorias do Sistema Único de Saúde (Denasus).
A inspeção foi determinada em caráter de urgência, após denúncias da população e da imprensa sobre a precariedade da estrutura e a falta de atendimento. Dois incêndios também foram registrados em menos de um mês no local. Já está programada, ainda para 2008, uma auditoria do Denasus no Pronto-Socorro, mas a procuradora Ana Karízia considerou ser necessário verificar imediatamente as condições do hospital.
A procuradora e os peritos passaram toda a manhã no hospital e visitaram todos os andares, checando a situação da cozinha, da lavanderia, enfermarias, unidades de terapia intensiva e dos setores administrativos.
As conclusões dos peritos médicos do Denasus, do perito sanitarista do MPF e da própria procuradora da República serão registradas em um relatório que deve ficar pronto até a próxima semana.


Fonte: Assessoria de Comunicação do MPF no Pará.

3 comentários:

Anônimo disse...

Eu quero saber quando o temido Dr Potiguar vai fazer alguma coisa com relação aos onibus gratuitos que o prefeito Duciomar colocou nas ruas de Belém, nas vésperas das eleições. Isso é crime eleitoral.
Com a palavra, o Ministério Público Federal.

Juvencio de Arruda disse...

Vc não deve ter lido uma nota enviada ao blog pelo MPF a propósito desta e de outras possiveis infrações eleitorais.
Foi determinado ao promotor eleitoral de cada cidade a responsabilidade pela investigação e denúncia à Justiça Eleitoral.
Cobre do MPE, das 8:01

Anônimo disse...

Oi Juvêncio, quero denunciar aqui o que já está sendo veiculado no blog Espaço Aberto, sobre a humilhante situação dos PM"S que tem que pagar pra trabalhar no interior do Estado...O engraçado é que a Governadora e seus assessores não viajam sem receber suas ricas diárias antecipadamente, assim há de se perguntar porque só com a PM que ganha um salário miserável é diferente???? Precisamos fazer algo, pois afinal esta situação arrisca diretamente a segurança pública de vez que o PM que não tem dinheiro, passa fome e sede para trabalhar e cumprir suas obrigações, ainda que a CF e a CE prevejam uma situação bem diferente, não é a toa que como disse a Ana Júlia recebe antes e seus assessores tambpem, assim como o secretário de segurança o comandante geral, porque só a raia miúda, sendo a que mais precisa, é a última a receber, quando recebe? Aguardo seu comentário sobre o assunto!