29.11.06

Só No Sapatinho

Não "andou" muito a reunião de ontem no MD.
Vá lá que o presidente regional do partido, Arnaldo Jordy, não estava muito animado com a demanda pela discussão da já famosa carta da governadora.
Mas o que adiou a discussão, para logo mais à noite, foi a presença de representantes dos novos aliados do PMN e do PHS, que "se sentiram" convidados estavam presentes à reunião.
Preferiram os emedistas adiantar outros itens da pauta.
E de noite tem samba.

4 comentários:

Anônimo disse...

Se o Jordy e Jatene vão ficar juntos, adeus Salame!

Anônimo disse...

Engraçado, eu continuo não acreditando nessa história do Jatene com o Jordy.
Nesses 4 anos de convivência política com o nosso governador, nunca ele sequer citou o nome do Jordy. Nunca! Então, como é que agora eles já estão até montando um partido?
Sinceramente não acredito que o Jatene vá deixar o PSDB,partido onde ele fez toda a sua história política.
Quanto a essa história de falta de espaço para os dois no mesmo partido, Almir e Jatene, não será uma campanha que vai acabar com uma amizade tão forte e tão antiga como a dos dois. Amizade e perdão caminham lado a lado e o tempo se encarrega de apagar as mágoas de cada um.
Torço para que o PSDB, partido de grande importancia no nosso estado e cheio de grandes amigos que fiz nesses 4 anos levante a poeira e dê a volta por cima.
É o que estou tentando fazer com o nosso PFL. E se Deus quiser e o povo do Pará também, vamos conseguir.
Agora, é esperar.
Vic Pires Franco
Deputado Federal

Juvencio de Arruda disse...

Pois é melhor acreditar, deputado 24 horas.Principalmente se Valéria alimenta qualquer tipo de interesse em disputar as proximas eleições majoritárias aqui em Nova Déli.(ela tem?)
Acho que Jatene virá sim, e de mãos dadas com Jader Barbalho, com quem, aliás, fez boa parte de sua história política.
Antes dele deve sair do PSDB a sua, digamos, cozinha: o Paulo, da SEDUC;a Tetê,a Rosian,quem sabe até o Sérgio "Jujuba" Leão (copyright by Ana Célia).
Aguardemos.
Obrigado pelos comentários desta noite.
A diferença é visível quando o Vic está "de bem com a vida"...eheh.
Bom dia e um abraço.

Anônimo disse...

Caro Juvêncio, de bem com a vida eu estou graças a Deus. Estamos todos com saúde, eu, Valéria e nossos 5 filhos. Tem coisa melhor do que isso?
Deus escolheu esse caminho para nós e é por ele que vamos seguir.
Não vou esquecer nunca do dia que a Valéria chegou de Santarém às 16:30 para votar aqui em Belém no segundo turno. Chegamos em casa as 18:00 e depois de 16 dias longe da mãe, os nossos tri gêmeos estavam no hall do elevador esperando por nós, morrendo de saudades. Quando abrimos a porta do elevador, estavam lá os três, João Victor, Carolina e Victória.
Minutos antes da nossa chegada, saiu o resultado na Globo, da pesquisa de boca de urna com a nossa derrota. Os 3 assistiram. Eu e a Valéria, não.Incrível, mas soubemos pelos 3 e pela nossa mais velha, Izabela.
Quando abrimos a porta do elevador, o João Victor disse: Mãe tu perdeu a eleição.
A Valéria, com muita serenidade respondeu: Eu perdi a eleição e ganhei voces de volta pra mim.E isso é que é mais importante nas nossas vidas. E se abraçaram os 4.Foi lindo e emocionante. Não vou esquecer nunca essa cena.
Sinceramente, acredite se quiser, acho que Deus sentiu a falta da Valéria mãe em casa, e nos deu inteira de volta.
Nada, nada mesmo, é mais importante do que a minha família.
Um abraço,
Vic