11.3.08

Duas Faces

Pode não ser tão azul piscina assim como aparenta, a relação do governo do Pará com a Vale.
O bicho está pegando na área tributária da relação.

9 comentários:

Anônimo disse...

Luluquefala:
É terrível viver num Estado onde não tenha aparecido um governador pra enfrentar a Vale.
Até hoje, tudo da boca pra fora.

eu disse...

A Vale tem que penar uns bons bocados aqui pelo Pará - para ver se deixa dessa de tirar doce da boca de criança.

Já não basta os prefeitos dos municípios mineradores terem incluído a empresa na lista da Dívida Ativa da União - porque ela não estava pagando os míseros royaltis (míseros em termos percentuais). Movimento liderado pelo prefeito de Parauapebas.

Enquanto ficarmos nessa de só brigar por pequenos royalties, continuaremos na pobreza... temos é que ir pra cima e reivindicar um pedaço da Vale - algo como uma estatização parcial.

Bia disse...

Azul piscina, querido?

Caramba!

Há anos ninguém mais lembrava este tom. Proponho rosa choque, em homenagem à governadora, lembrando Rita Lee e sua música maravilhosa. Tão antiga quanto. A cor, não a governadora!

...rsrsrs...


Beijos

PS: se um dia sobrar um tempo do mestrado, do Quinta, da oitiva das fontes, e a Marise concordar em liberar você - ou se quiser nos acompanhar - encaixe um papo comigo.
Tô roxa - outra cor antiga - de saudades.

PS2 - é bem meu "estilo". O PS é maior que o texto.

Beijão, de novo.

Anônimo disse...

Isso me parece um boa notícia.
Minha impressão , talvez sem muito conhecimento , é que com sua riqueza mineral o Pará era pra ser uma Nova Zelândia e não essa Serra Leoa.Agora desnecessário ter muito conhecimento para saber que a privatização da Vale foi uma ação entre amigos bandidos e que a questão tributária da Vale com o Pará é um escândalo haja vista o lucro do ano passado da Vale.
Uma coisa que não consigo entender:
Leio a toda hora na mídia que a Vale nos ultimos 3 anos aumentou em mais de 100% o preço de seus produtos e que o mercado aceitou sem chiar.Estranho ,muito estranho,
Ou o minério de ferro tornou-se de uma hora pra outra absolutamente escasso e só a Vale tem disponível e aí a Vale é burra em só ter aumentado em 100% ou nos ultimos 25 anos simplesmente vínhamos "dando" nosso minério de ferro , que por sinal é de qualidade superior pelo menos o de Paraupebas.Alguem entende do assunto e me explica???
Abraços
Tadeu

Juvencio de Arruda disse...

Bia, queridona, é só marcar. Disse primeiro, há semanas..rs... que ando com vontade de reeencontrar vc.
Pode marcar.
Bjão

Juvencio de Arruda disse...

Tadeu, o aumento do preço do minério está muito ligado ao cerescimento da economia chinesa que, evidentemente, não continuará a crecer indefinidamente às taxas atuais. Quando isto acontecer a Vale terá sua curva de lucro modificada.
Aí acho que os problemas aumentarão.
Abs

Anônimo disse...

Nada nem 10 Chinas justificam dobrar preços em 3 anos , tem "mamatas" na formação de preços do nosso minério ainda na época do projeto Carajás , dou a cara a bater.
Abração
Tadeu.

Anônimo disse...

Desculpa , não terminei .Na época que trabalhei lá como supervisor de transporte na Amazonia Mineração , subsidiaria da Vale ,sabia-se todo projeto era financiado por um grupo estrangeiro capitaneado pelo Nippon Steel via Vale do Rio do Doce onde nosso minério com concentração de ferro com 66% ia sair por metade do preço num mercado onde o minerio de mais alta concetração encontrado era de 33% o que caracterizava um sangramento digno de Eduardo Galeano,.Isto era "soltado" a nós peões de trecho pelos geólogos e chefes diretos ,alguns bons amigos que iam ou nos levavam aos armários opa calma , calma minha gente explico : ir aos armários nada mais era do que tomar umazinha , já que o "arcór" era oficialmente proibido e então só nos restava ir ao armário e escondidinho dar uma talagada , tinha armários , como o meu por exemplo, que parecia o balcao do joquei clube,ihhh apelei rsrsrsrsrsrsrs
abs
Tadeu

Anônimo disse...

O rolo tributário sempre foi complicado entre a Vale e o Estado. Só que o rei da floresta baixava por lá e resolvia tudo...