17.6.09

A "Cláusula Dino"

O blog lamenta a proibição de imagens de candidatos exibindo suas imposturas, remotas ou recentes, no horário eleitoral, proposta do combativo deputado Flavio Dino (PCdoB-MA) e já aprovado por uma comissão especial formada para sugerir alterações na legislação eleitoral.
Dino dá-se ao desfrute de chamar sua proposta de "cláusula anti-baixaria".
A justificativa do deputado, ex juiz federal, defende que o horário eleitoral, pago com recursos públicos, deve se ater ao debate programático.
Ocorre que tal debate não pode ser completo sem cotejar o real compromisso do candidato com sua vida pregressa, de seus apoiadores e financiadores. Apagar a memória conspira contra a transparência do processo eleitoral, condição não menos relevante que o suposto "debate programático", em verdade um amontoado de embustes retóricos num país que destrói sistematicamente os partidos, os políticos, as instituições e a Política.
Assim, toda essa escumalha da ficha suja - a galera da algema, dos compradores de votos, dos que encalham nas portas do tribunais - acaba passando por bom rapaz, na medida da qualidade de seus redatores. Promessas de campanhas anteriores ou gravísssimos desvios de personalidade - pedófilos, por exemplo - não poderão ser cotejados com o efetivo cumprimento dos mandatos ou da retidão de suas condutas pessoais.
Ao eleitor, sobra pouco mais do que a memória na decisão do voto.

Com informações da Agência Estado.

5 comentários:

Anônimo disse...

Mestre dos blogs, e sobre um ''Fale com o Presidente'' via email que eu li em algum periodico da cidade...o que vc pensa ? seria um blog da presidencia ? os jornais enviam perguntas dos leitores e a Presidencia responde. Pelo que percebi, se nao forem divulgadas ....rsrs...1 abraço do Mediador de Emoção,

Juvencio de Arruda disse...

OLá, Grande Med dos blog, tudo bem?
Lula se aproxima dos instrumentos midiáticos de Obama, que deitou e rolou nesta área.
Cada vez mais ele tem tempo pra trabalhar políticamente a candidatura da ministra...eheh
E por falar em área, quem vc acha que marcou aquele penalty contra o Egito?
Pra mim foi o quarto árbitro, digo, a televisão...eheh.
Abs

Anônimo disse...

E um penalti CONTRA TODAS AS SACANAGENS DO SENADO E DO SARNEY, quem será que vai marcar?!
Pelo jeito, somente a imprensa e a opinião pública, né não seu Quinta?

Marco Antõnio Tavares ( Marcão), médico disse...

por falar em propostas de lei dos nossos nobres deputados, vem aí mais uma fantástica, que já estão chamando de lei da mordaça, que limitará o MP de, digamos, incomodar os incautos deputados. Proposta do(nada menos)Dep Paulo Maluf.
Será que nós, cidadãos, temos como nao permitir mais essa macaxeira, direcionada para a nossa bandeirinha? Ou vamos ter que encarar essa fogueira e sentar nessa brasa?
A quadrilha está com seus passos bem ensaiados, se é que voces me entendem.

Anônimo disse...

Grande Mestre dos blogs, o arbitro disse que foi a ''consciencia'' dele, ha ha ha ...diz que ela dizia assim no ouvido: ´´marca penalti, marca penalti, o Egipcio tirou com o braço``, mas brincadeiras a parte, nesse quesito Mestre, sou ultra conservador : deixem o futebol do jeito que está...sem tecnologia...1 abraço, do Mediador de Emoção,