5.6.09

Pegaram o Daniel

No Portal ORM.

Cento e cinco mil reais. Essa é a quantia que o presidente da imobiliária Barcessat Imóveis é acusado de ter se apropriado indevidamente e que motivou a decretação de sua prisão preventiva pela Justiça.
Segundo a polícia, essa quantia seria proveniente de uma venda de um apartamento, cujo valor não foi repassado integralmente pela imobiliária ao dono do imóvel. 'O valor total da venda é de duzentos mil reais e o presidente da imobiliária só teria repassado noventa e cinco mil ao proprietário do imóvel', contou o delegado da Divisão de Operações Especiais da Polícia Civil, Rogério Moraes.
A prisão foi decretada pelo juiz Pedro Sotero na quarta-feira (4) e o presidente da imobiliária foi preso no mesmo dia e levado para a DIOE.
Segundo o delegado Rogério Moraes, ele vai responder pelo crime de apropriação indébita e deve ser transferido ainda hoje para uma penitenciária especial para presos com nível superior.

26 comentários:

Anônimo disse...

Grande Juva,
Nós policiais militares estamos precisando de um juiz assim como o Pedro sotero.
Até hoje nenhum dos oficiais envolvidos com a fraude no concurso público e nos contratos foram presos. Mas foram promovidos por merecimento.
O Diário do Pará publicou recentemente o Ten Cel LUIZ FERNANDO desviou mais de 6 milhões de reais do CESO (BOLSO DO PM) e nada aconteceu.
Não foi decretada sua prisão e nem a indisponibilidade de seus bens.
Essa impunidade contribui para o acirramento da corrupção na instituição.

Anônimo disse...

Quem diria hein Juvêncio? Uma imobiliária tão premiada no meio. Tá tudo dominado!.

Julio Lourinho disse...

Bem Feito...esse Daniel é um safado, Ladrao, ficou com R$ 16.000,00 meu...justiça seja feita. Abraços.
Acompanho seu Blog Diariamente.

Anônimo disse...

Só pegaram um corretor?
E os outros?

Xurupita disse...

Este foi meu colega de Mordeno e de familia tradicional judia de Belém, incrivel como mudou.

xurupita disse...

Pior e que também estava para ser preso devido a problemas com uma moça com que tem um filho.
Mas esta prisão envolveu um cheque voador de R$ 30.000,00 que ele passou para um comprador como devolução de uma entrada de compra e venda de imovel que não foi concretizada.

Anônimo disse...

Engraçado, não há notícia em nenhum jornal, acho que não avisaram a eles, tadinhos!

Juvencio de Arruda disse...

Habitue-se a "ver" um portal como um jornal online que é.
Não demora muito e esse jornal que vc "pega" não vai mais existir.

Anônimo disse...

Caros comentaristas, é bom não nos contentarmos com a primeira versão, vamos aguardar a defesa do rapaz, para que após a justiça seja feita. Digo isto sem nenhuma referência à postagem, na medida em que ela tão somente relata fatos absolutamente verdaeiros (a ordem, a prisão e os motivos de ambas), me refiro especificamente aos comentários, que podem ser precipitados.
um abraço a todos.

Anônimo disse...

Um erro. A notícia está na página 47 do jornal Amazônia de hoje. Sem o primeiro nome, mas com a notícia certa

Anônimo disse...

O procedimento de receber um pagamento e rolar um pouco a dívida com o proprietário é usual dentro do universo imobiliário, claro que não justifica, mas talvez fosse o momento de rever alguns procedimentos contratuais que não dessem margens para que isso ocorresse de maneira corriqueira como o mercado imobiliário permite.

Anônimo disse...

Não venha com esse "procedimento usual" que, se existe, é doloso e - como tal - um crime de apropriação indébita.

Anônimo disse...

Alguma coisa muito estranha vem acontecendo com os negócios de "Daniel". São muitos os donos de imóveis enrolados por ele. No caso dos aluguéis virou rotina ele deixar de repassar os pagamentos. Os atrasos passam de 4, 5 meses. O Apto que moro acabou de deixar de ser gerenciado pela corretora dele por esse motivo. Pior, quando procurado responsabilizava a mim pelos atrasos. Só fiquei sabendo quando fui procurado pelo proprietário e comprovei que os boletos eram pagaos religiosamente na data combinada.
Imaginem quantos contratos ele não perdeu este ano...

Anônimo disse...

Are baba!
As pessoas complicam as coisas por falta de profissionalismo.
E o Pará está cheio de amadores.
O dono do imóvel pode até dar uma procuração para o corretor receber o dinheiro em seu nome, para que não se ocupe com o assunto, já que está pagando pelo serviço.
Entretanto, a procuração deve ser específica e o pagamento feito, obrigatoriamente, em cheque nominal e cruzado, em nome do proprietário do imóvel que está sendo vendido, ou através de depósito, doc ou ted, em conta bancária do mesmo.
Se quiser mais, exija que no verso do cheque seja escrito que o depósito só poderá ser feito em nome do dono do imóvel, ou seja, o cheque não admitirá endosso.
Agindo assim, o dono do imóvel, então, dirá: Atchá! Atchatchatcha!
Auspicioso, não.
O Informante Invisível

Anônimo disse...

Das 12:41, de tanto rolar "um pouco" ele acabou se enrolando. O problema de lidar com o dinheiro alheio é você pensar que ele é seu.
Outra questão: para ter chegado à mídia "franciscana" das ORM, a vítima deve ser de peso.

Anônimo disse...

É O PIOR CORRETOR DA CIDADE. Eu tive um enorme prejuízo porque ele alugou meu imóvel e há 9 meses não recebo o aluguel e o condomínio tive que pagar com o meu próprio bolso. Eu também vou processá-lo, porque não recebi o seguro-fiança, do qual ele se apropriou. Espero que continue preso.

Anônimo disse...

esse cara é um trambiqueiro, e ainda por cima junto com seu corretor-mor Quirino passam a régua nas funcionárias solteiras e casadas, que diga a Bernadete, Silvana, e a sua atual secretaria.

Erick Moral disse...

Gostaria de incluir o vídeo do Jornal Liberal sobre a prisão de Daniel Barcessat, aí vai o link:
http://www.youtube.com/watch?v=_vwRgj6M0AM

Anônimo disse...

Caros amigos, com certeza ele vai pagar pela Soberba dele ou melhor está pagando, quando acaba a Humildade, acaba também os valores morais, devemos ser criteriosos nos comentários e não envolver os funcionários, pois os mesmos também são vítimas desse rapaz.Que Deus nos abençoe.

Anônimo disse...

tenho ouvido muitos falarem do Daniel como se ele representasse os judeus aqui em Belém. Nada a ver, ele errou ??? sim e está pagando por isso (Acredito eu) mas daí a generalizar esse fato e incluir todos judeus é triste.

E querem saber, todos fazemos besteiras e cometemos erros nessa vida. Quem é completamente correto ?

Se tiver alguém. Parabéns !

Anônimo disse...

Errar é uma coisa, ROUBAR O dinheiro alheio é outra muito diferente. Pense e veja se voce queria estar nas maos dessas pessoas que ele roubou e ficou com o dinheiro dos alugueis.

Anônimo disse...

Faço um alerta as pessoas que tem imóveis administrados por grandes imobiliárias aqui em Belém,denunciem os atrasos nos repasses ao CRECI,leiam seus contratos e observem que a maioria pede 72hs., para o repasse o que é errado, se for feito uma sindicância teremos grandes surpresas. Acorda CRECI.

Erick Moral disse...

NOTA DE ESCLARECIMENTO DA BARCESSAT IMÓVEIS:

Acesse o LINK ABAIXO:

http://docs.google.com/View?id=dg3c97k2_522vv2q3df

Anônimo disse...

Um famoso advogado paraense e que tem uma coluna em jornal da cidade, achou muito, muito, mais muito estranho, a prisão deste cor-retor Daniel Barcessat, será que ele sabe coisas que nós não sabemos. Só nos resta aguardar os acontecimentos e lembrar que a memória do povo é curta, ou melhor curtíssima. Abs.

Anônimo disse...

O + engraçado dessa nota de esclarecimento é que em nenhum momento ele pede desculpas para as pessoas que ele "enrrolou", fala sério é muito cara de pau!

Anônimo disse...

Ei Daniel Barcessat, na tua nota de exclarecimento, deverias pedir desculpas à todas as pessoas que tu prejudicaste financeiramente,moralmente e fisicamente pois sei de caso que pessoas esperavam o dia todo e não conseguiam falar contigo,mandando aquele ser DEPLORÁVEL, digno de muita pena que é a tua secretária chamada Sabrina. Seja humilde e peça desculpas a quem tu prejudicaste. Este é um desabafo de quem foi muito humilhada por esse rapaz.