3.6.09

Prestando Contas

O desembargador Leonardo Noronha Tavares, apreciando pedido de reconsideração interposto por este poster, manteve seu entendimento a respeito da intempestividade do agravo.
Hoje mesmo será impetrado mandado de segurança contra a decisão do desembargador, e amanhã será protocolada a contestação da inicial da ação que me movem quase todos os membros da família Sefer.
Assina as duas peças o advogado Marcelo Moraes Dantas, do escritório Ismael Moraes.

-----

Uma palestra do Prof. Dr. Renato Boschi no programa de Mestrado em Ciência Política tira o blog do ar nesta manhã. As postagens recomeçam de tarde.

5 comentários:

Juvencio de Arruda disse...

É o que espero.
Obrigado.

Franssinete Florenzano disse...

Juca, com a sua contestação, ao julgar o mérito, certamente o desembargador reconsiderará o que decidiu em liminar. Estamos na torcida por você! Abraços.

Juvencio de Arruda disse...

É o que espera a família Arruda Câmara, Fransinete.
Muito obrigado.

Anônimo disse...

Olá Juvêncio,

Fique frio, amigo. Você vai se sair dessa, pode apostar. Pelo menos torcida é o que não lhe falta.

Abraços da,
Deury Farias

Jubal disse...

Vamoquevamo,mano velho!