25.11.07

Alô!

O poster ficou longe do blog por alguns minutos.
Estava conversando, pelo telefone, com o futuro secretário adjunto da recém criada secretaria de Comunicação do Governo do Pará.
Amanhã eu digo quem é.

12 comentários:

Anônimo disse...

Caro mestre,
"Governo do Pará reafirma PINICÃO aos culpados"
Veja no endereço:
http://www.agenciapara.com.br/fotos.asp?id_foto=2837

Deve ter sido a pressa,mas que ficou engraçado isso ficou.

Juvencio de Arruda disse...

rsrs...mestre anônimo, a pressa é inimiga da revisão. Mas os culpados bem merecem um pinicão na cabeça. Cheio de...bem, vc sabe...rs

Ana Lucia Prado disse...

Ai, Juca,
Solta logo essa informação..hehehe..

Juvencio de Arruda disse...

O nome dele é...tomorrow...rs

Anônimo disse...

o nome dele é.....
luis araujo

Juvencio de Arruda disse...

Esse já está ocupado.

Anônimo disse...

Fala aih,Juket.Jah chamou o comercial , agora fala rsss Olha o fuso horario, po.Pelo menos da uma dica.

Juvencio de Arruda disse...

Olha, Romulogic, o fogo voltou por aí. Cuida dos teus cílios...rsrs.
Agora falando sério, só amanhã.

Anônimo disse...

Amanhã? Será que é para coincidir com a grande surpresa que virá com o resultado da licitação para agência de publicidade do Estado?

Juvencio de Arruda disse...

É só prá assanhar comentaristas como vc...rs
Teremos surpresas amanhã?

Anônimo disse...

Esse povo da nova secretaria, tem mais é que se preocupar com a imagem da Governadora que está pra lá de arranhada. Tem que fazer a Socorro Gomes e a Vera Tavares, se explicarem. Elas estão numa situação cômoda de ver a banda passar. Assim até eu juvenal.

Anônimo disse...

Como é que o pessoal da secretaria vai se preocupar com "a imagem" do governo se nenhum deles é marqueteiro ou, sequer, trabalhou com isso antes? Não pensem que a secretaria veio para resolver esse vazio, insolúvel, de linha de comunicação de marketing do governo da Ana Júlia. Acho que a Secretaria de Comunicação deveria aproveitar a sugestão do AK e contratar o Orly Bezerra e o Chico Cavalcante para armar a defesa da governadora. Pode-se dizer tudo da dupla, menos que não entende do riscado.