4.6.09

Tratamento Diferenciado

Há exatos oito dias (desde o dia 28 de maio) o portal da revista Exame noticiou que assessores de Lula foram sondados por representantes do presidente dos EUA, Barack Obama, para saber como o presidente brasileiro reagiria a um convite para presidir o Banco Mundial.
Obama tem interesse em melhorar a imagem do Banco Mundial (que sempre foi criticado por Lula). Acha que a instituição é sempre "demonizada", quando algo não vai bem na economia de um país pobre ou emergente. E Obama quer que o Banco Mundial invista mais no social. Ele é admirador do trabalho de investidores sociais, como o economista Muhammad Yunus, prêmio Nobel da Paz em 2006, justamente por fundar e manter um grande banco de microcrédito em Bangladesh.
A grande imprensa brasileira silenciou diante dessa informação.
O fato foi notícia no The Guardian, na prestigiada Foreign Policy, no El País. Mas aqui no Brasil a imprensa silenciou, só o UOL publicou, depois de ser noticiado pelo Luis Nassif e pelo Paulo Henrique Amorim na trça feira, 2.
Fosse FHC o convidado, e então estaria na primeira manchete dos jornalões e muitos blogs.

26 comentários:

Anônimo disse...

É o PIG de quem tanto fala o PHA
Abs
Tadeu

Juvencio de Arruda disse...

Grande Tadeu, a queixa é antiga...eheh.
Abs, bro.

Anônimo disse...

Não morro de amores pelo presidente Lula, por ele ter se tornado um presidente asséptico, em nome da "governabilidade". Se fosse pra fazer o mesmo que todos fazem, que não se candidatasse. Mas morro de ódio da chamada grande imprensa, de blogeiros e comentaristas que destilam todo o seu preconceito de classe contra o presidente (termo do qual eles fazem troça, como se fosse "anacronico", comos eles gostam de dizer). Hoje mesmo, Clovis Rossi escreveu na Folha que "Lula aprende rápido", um comentário supostamente elogioso mas que é depreciativo. É como se Lula fosse uma criança que precisasse ser ensinada pelos "mais crescidos". Portanto, é claro que esse pessoal vai fazer o que puderem para não repercutir o prestigio que Lula crescentemente vem adquirindo no exterior.

Uma coisa temos que admitir: Lula é muito carismatico e tem uma inteligencia refinada, que expõe com simplicidade, o que eles fingem confundir com burrice ou ingenuidade.

Bia disse...

Bom dia, Juca querido:

fosse FHC o escolhido, Obama estaria dando sinais evidentes de esclerose precoce...rsrsrs...Mas, também não compreendo a escolha de Lula, e não pelos mesmos motivos pelos quais a FSP ou a Editora Abril não divulgaram a notícia.

Não compreendo porque o pragmatismo lulista exercitado aqui e replicado no Banco Mundial, seria menos eficaz do que convidar o próprio Yunus.

Beijão, querido.

. disse...

Só para dizer que concordo. E concordo muito!

Juvencio de Arruda disse...

Puxa, quanta honra receber duas queridíssimas neste post, Bia e Boca.
Bjões.

Raphael Teixeira disse...

Juca, são várias as teorias sobre o futuro DO CARA. Há quem diga que ele será a Dilma da Dilma, escutas da conversa dele com Chaves mostram o desejo declarado de ser presidente da Petrobras, há quem esteja querendo vê-lo no senado, ele mesmo ja disse que quer ir morar ha "800m da sede do sindicado dos metalúrgicos " e "assar coelho" em São Bernardo atendendo a promessa que faz a Dona Marisa deste 78, de ficar em casa.

Qualquer uma dessas poderia deixar FHC se olhando no espelho e se achando o máximo, dentro do seu Instituto, onde recebe o PIG diariamente.

Mas quando o convite vem de fora, de Obama, para a presidência de uma grande instituição internacional, ai sim é motivo para se vigiar FHC de perto pra que ele não cometa nenhuma bobagem.

Como bem disse Aécio ontem: Lula é mais que um político!

Anônimo disse...

Lula não tem competencia administrativa para assumir um cargo como este.Presidir um banco não é como ele faz governando um país.

Anônimo disse...

por falar em manchete, o Walter Bandeira está direto nas manchetes dos jornais, mas desta vez infelizmente por causa de sua partida. estranhei não ler nada a respeito sobre a morte do artista aqui no Quinta Emenda...

Prof. Alan disse...

O Anônimo das 1:44 é um sujeito engraçado...

Administrar um país é mais fácil que um banco...

Pasmem, senhoras e senhores...

Anônimo disse...

ê anônimo da 1:44, não adianta tanta inveja. A história do Lula já mostra que ele é realmente o cara!!!!!

Alan Lemos disse...

Caso Lula torne-se mesmo presidente do Banco Mundial, uma das duas vertentes acontecerá: a história da América Latina, tendo o Brasil como encabeçador, começará a mudar - ou tudo o que já acontece atualmente será apenas avalizado.

Anônimo disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKK!!!

O anônimo da 1:44 deve ser o próprio alter-ego do FHC. Segura o príncipe, senão ele faz uma besteira.

Antes, diziam que o Lula não tinha capacidade e competência para governar o Brasil; depois, que ele ia cometer gafes no exterior; agora, só podem dizer que ele não saberia administrar um organismo internacional, mesmo, porque o resto ele já mostrou que sabe fazer muito bem.

Antes de mais nada, o Lula prova que o que faltava (e ainda falta) neste país é OPORTUNIDADE para os de baixo. Ele não revolucionou o Brasil (nem poderia) mas tem dado muitas oportunidades aos de baixo. O futuro nos mostrará o que será das sementes que ele plantou. E aí, não dá prá desvincular essas políticas sociais do Lula dos programas do PT. É só ler o que sempre o partido defendeu e ver que está lá. É verdade que sem a radicalidade pregada, mas, está lá sim.

Juvencio de Arruda disse...

Das 1:59, seu estranhamento é correto. Já rascunho uma postagem pra resgatar a dor pela perda deste amigo de 35 anos, lá para sábado ou domingo.

Mural disse...

Lula talvez não seja o presidente ideal no imaginário de cada brasileiro, afinal somos mais de 250 milhões de analistas.

Mas com certeza dentre todos que já tivemos, sem dúvida nenhuma, ele está anos-luz a frente de seus antecessores... e quiça não fique também à frente de seus sucessores.

Poderia ter sido bem melhor, não tivesse se aliado aos nefastos que se adonaram da política nesse país.

Anônimo disse...

Juca , um grande abraço pra ti também ; agora mano me dá uma ajuda pois acho que a esclerose bateu:
o que quis dizer o cara das 1:44??? , não entendí direito e se entendí...que puta abobrinha.
Prof Alan me salve pois estou pasmo.
Sds
Tadeu

Anônimo disse...

Meu amigo JUCA: Moro na 25 de Setembro e como sempre estamos sem agua. Rogo que vc faça uma reportagem sobre estes incopetentes que estão a Gerir a COSANPA. Aqui em casa falta agua todos os dias.

Anônimo disse...

Das 4;15, nao se preocupe nao vá ao médico e nao tome remédios pois nao é esclerose. O de 1:44 quiz dizer, mas nao disse ou nao conseguiu. Poderia ficar calado , opa opa com a mao fechada.

Prof. Alan disse...

Caro Tadeu, o que ocorre no caso é a falta do que falar - daí usam qualquer argumento esdrúxulo, apenas para não ficar calados...

Uma coisa que me chama a atenção são os comentaristas de alguns blog´s de expressão nacional, que insistem em chamar Lula de burro.

Podem chamá-lo de sem cultura, sem refinamento, tosco, boca suja, e do que mais quiserem.

Menos de burro.

Um sujeito que ganha duas eleições presidenciais, melhora o nível geral do país (contra toda a esperança da Oposição e da mídia) e mantém popularidade batendo em 80% (contra toda a campanha cerrada do PIG), não pode, defintivamente, burro.

Burro é quem acredita na burrice de Lula...

lembras na reeleição de 2006? Bastou o Alckmin levantar um pouco a cabeça e passar pro segundo turno, que Lula o soterrou com a acusação de privatista e o discurso do "deixa o homem trabalhar".

Alckmin passou o resto do 2º turno gaguejando explicações. E terminou a contenda mais magro do que quando entrou (perdeu mais de 2,4 milhões de votos).

O erro crucial de Alckmin foi querer se mostrar o oposto de Lula. Assim ele tornou a eleição num referendo. E o povo não queria mudar...

O mais interessante: o PSDB não aprendeu nada com isso. Vai a 2010 rachado de novo, e está entrando nos mesmos erros.

Quer ser alternativa a "isso que está aí" - sendo que o "isso" tem 80% de popularidade, e já colocou a candidata dele com 16% ...

Val-André Mutran disse...

O prosaico projeto de Lula é ser o presidente do Pré-Sal.

Não há planos de aposentadoria para "O Cara!".

Mas, e a cana na Amazônia?

Hehehe!

Tô dizendo: vou virar índio.

Minha avó era índia, vem ao meu socorro e vou me dar bem.

Val-André Mutran disse...

Mestre Alan. O zinho das 1:44 é um sujeito engraçado...
Desconfio que ele é muito afim de ser a sombra Do Cara.
Abs.

Prof. Alan disse...

Val-André, obrigado pelo Mestre, mas é imerecido, no meu caso.

Também sou neto de uma índia tupinambá. Mas acho que voltar a ser índio só seria bom negócio se fossemos kayapós, no sul do Pará - a nação indígena mais rica que há.

Se voltássemos a ser kulynas, yanomâmis ou guaranis, passaríamos uma fome sem fim e padecimentos atrozes...

Val-André Mutran disse...

De certo numa coisa todos haveremos de concordar: temos que rever nossos conceitos.
Lição n.o 1:
A persistência. Lula é a prova cabal disso.
Abs professor e acrescentaria que os Gaviões também estão muito bem de situação na Aldeia Mão do Rio, em Bom Jesus do Tocantins, onde fui aprender a lançar flexas e fui muito bem recebido.

Juvencio de Arruda disse...

Bom dia, Mestre Val-André, te mando um mail ainda hoje.
Abs

Rodrigo Moraes disse...

Caro Juvencio , a nota publicada em seu Blog não é de minha autoria, não concordo com a opnião defendida por quem escreveu.
Alguém de má fé utilizou meu nome para tentar criar um fato politico.
A UJS(União da Juventude Socialista) está de acordo com o governo ANA JÚLIA , compreendemos que é um governo avançado, popular e democrático.
Gostaria de solicitar a retirada do comentário que leva meu nome..Deste já agradeço .
Cordialmente

Rodrigo Moraes
Presidente da UJS PARÁ
rodrigoune@hotmail.com

Juvencio de Arruda disse...

Bom dia Rodrigo.
Essa eu nunca tinha visto, dando o dito por não dito, como o mesmo login.
Vou atende-lo retirando a orimeira postagem, e torço para que vc não volta e ter problemas de terceiros acessando sua senha.
Cordialmente,