29.10.08

Planejamento Participativo

Humberto Cunha Filho, ex diretor da Casa Civil do governo do Pará na gestão de Mr. Johnson, vai assumir a secretaria de Planejamento de Almeirim a partir de 1º de janeiro.

14 comentários:

Leopoldo Vieira disse...

Opa!
O gente boníssima e muito competente Humbertinho retorna então ao seu saudoso e querido lar e assume tarefa de ponta num governo que foi fundamental para construir por anos de bom trabalho partidário.

Tudo de bom para ele e para a cidade.

Cássio de Andrade disse...

Além de Humbertinho no Planejamento (que deverá ser participativo, pelo menos o be-a-bá ele já sabe), José Whisney será o Secretário de Educação, rapaz sério e competente e rígido com o controle sobre os recursos do FUNDEB e quetais. Crias do PTP e da EGPA! Junto com o Ivanildo formarão a trinca dura (nem tanto, rsrsrs) de Almeirim. Com o Botelho por trás (epa), a trinca vai longe. Rsrsrsrs. Parabéns aos dois e ao município. Juvêncio, já temos onde passar o carnaval. Você leva a turma do Mestrado da Ciência Política e eu levo a do Doutorado da Sociologia, tudo pra casa do Humbertinho. Como bom tocquevilliano que é, Humbertinho cobrará com "igualdade" nossa "liberdade". Rsrsrs.

Juvencio de Arruda disse...

Doutor, tenha sempre a bondade de mandar as informações ao blog...rs.
Torço pelo trio.
Há 8 anos não ando por lá.
Ponha meu nome no barco da alegria que nos levará até lá...eheh

marlon disse...

O povo de Almerim ganhará com a competência de Humbertinho, pois
conheço-o e sei de sua probidade, inteligência e acima de tudo, respeito ao proxímo. E que tal ir também a turma do mestrado em Economia da UFPA? Daria para um grande debate sobre política, sociedade e a crise econômica. Não achas Juvencio?

Juvencio de Arruda disse...

OLá, colega (economista e mestrando). Tb torço pelo sucesso de Almeirim.
Quanto a sua proposta, quem sabe não está na hora de reunirmos os mestrandos das Ciências Econômicas, Políticas, Sociais e Jurídicas?
Mande um mail, Marlon, e bem vindo ao blog.
Abs

Cássio de Andrade disse...

É Humbertinho, vai logo reservando o hotel. Rsrsrs.

Anônimo disse...

Com tanto doutor e tanta alegria, o barco periga afundar!

Juvencio de Arruda disse...

eheh...nos agarramos em vc!

Cássio de Andrade disse...

Epa, nem tanta alegria. Não exagere, pois daqui a pouco vão chamar o barco de "Priscila, a rainha do Amazonas"! Rsrsrs.

Anônimo disse...

Espero que o Humbeertinho tenha aprendido que tudo passa, quando era o segundo todo-poderoso da Casa Civil, se achava e desconhecia velhos companheiros.

Anônimo disse...

Humberto Filho que boa noticia. Ele é sem duvida uma das pessoas mais inteligentes que conheço. Apenas falta uma postura diferente, mas inteligência e preparo ele tem de sobra. Se ele conseguir formar uma equipe tão solida como ele e com conteudo e comprometimento.Ouviremos falar muito dele e de seus projetos.Porque afinal nunca fazemos nada sozinhos e sem compromisso. Boa Sorte Humbertinho...

Cássio de Andrade disse...

Vamos com calma, anônimo. Ninguém precisa ser unanimidade. Humberto pode ter lá seus defeitos, mas esse de dizer que se apega a cargos e muda de comportamento, soa leviano. Humbertinho na Casa Civil, nunca destratou niguém ou deixou de atender celular quando possível. Sempre tratou com respeito velhos e novos companheiros. Ademais, dizer que Humbertinho era o 2º todo-poderoso é exagero! Sua relação se dava mais com o Parlamento, buscando mediações necessárias para o desenvolvimento da gestão, mantendo boas relações com todos os deputados, aliados ou não. Opinião insuspeita pode ser obtida junto a César Colares. Não manchemos reputações a esmo! O problema é que alguns velhos companheiros - espero não ser o seu caso - quase sempre recorrem a busca de empregos e acham que todos têm poder de caneta. Esquecimentos aqui e ali podem ocorrer, mas é o resultado das atribulações de trabalhos desgastantes. Simplicidade, sem ser simplório, sempre foi a marca desse companheiro e grande servidor público. Arrogância nunca fez parte da maneira de ser de Humbertinho. Este, eu conheço de longe e sempre foi antídoto, pelo exemplo, a minha própria arrogância e egocentrismo. Quem conhece o Humbertinho, sabe do que estou falando. O velho Humberto e a saudosa Iza, contribuíram em muito para moldar a personalidade desse moleque.

humberto lopes disse...

Olá, caro Juvêncio.

Em primeiro lugar, gotasria de lhe agradecer, e aos seus leitores pelas palavras carinhosas de seu poster.

Vamos ao que interessa.

01 - Meu nome NÃO leva filho, júnior, segundo ou qualquer outra particula sequenciadora. É Humberto Lopes Cunha;

02 - O Cássio foi convidado para ser secretário também, da Secretaria da Diversidade Cultural (SEDICU). A sigla foi ideia dele...

03 - Os mestrandos e doutarandos serem bem vindos e bem hospedados. Quem sabe se animem a fazer um voluntariado e durante a viagem de 36 horas na "Priscila" vão fazendo um laboratório de ideias que ajudem a recolocar o município na rota do desenvimento economico e social. Há 16 anos almeirim tem a 12ª aliquota de repasse de fundos estadual e federal e está na 8ª posição em termos de pior IDH paraense. Está lançado o desafio;

04 - Aos que fizeram as críticas negativas, em primeiro lugar quero agradecer a maneira educada como foram redigidas. Em função dos interesses que contrariei ou deixei de atender sei que algumas pessoas não falam em meu nome de forma civilizada;

05 - Quanto a ser poderoso ou não basta verificar o organograma da Casa Civil. Abaixo do Chefe está o Subchefe. Eu era assessor com status de diretor. Como em todos os empregos pelos queis passei e em todas as tarefas políticas que tive que desempenhar me dediquei ao foco que me pediram. No caso, como bem descreveu o Cássio, era zelar pelas boas relações do governo com o poder legislativo. Acho até que me saí bem, não perdemos nenhuma indicação de Conselheiro, só um veto foi derrubado, conseguimos aprovar a reforma administrativa. Apesar de termos tido o PPA (2008-2011), LDO (2008) e LOA (2008) mais emendadas, foi a primeira vez em muitos (desde o segundo governo Jáder) que essas peças forma aprovadas pór unanimidade;

05 - No mais, realmente tudo é passeigeiro. Se alguém pensa que o meu distanciamento era em função do cargo está enganado. Talvez seja apenas minha forma de auto-defesa.

Um abraço, Juvêncio.

Hunberto Lopes

PS: Se houvesse segundo turno para post esse aqui iria disputar com o do Priante.

Anônimo disse...

Humbertinhoooooooo é isso.... Parabéns!