23.10.08

PT Esclarece "Mico" de Santa Luzia

Da Assessoria de Comunicação do deputado estadual Carlos Bordalo (PT).

O presidente do Partido dos Trabalhadores, João Batista, dará entrevista coletiva amanhã pela manhã, às 10 horas, sobre o processo eleitoral no município de Santa Luzia do Pará. Também participará da entrevista o cacique Naldo Tembé. Os dois pretendem esclarecer as denúncias veiculadas na imprensa local, que acusam o prefeito reeleito do município Lourival Fernandes, o Louro do PT, de esquema de fraude na aldeia Tembé, supostamente utilizando os índios e as polícias civil e militar que atuam em Santa Luzia. As denúncias foram feitas pelo candidato derrotado Aldemir Aires (PR), mais conhecido como Mico, cujo irmão, deputado Adamor Aires, propôs a criação de uma comissão externa na Assembléia Legislativa para acompanhar a apuração das denúncias pela Justiça Eleitoral. Louro do PT foi reeleito com 50.31% dos votos válidos em Santa Luzia.

------

..."mais conhecido como Mico" é ótimo...rs

15 comentários:

Anônimo disse...

Luluquefala:
Que mico, hein !
Também, se meter com índio...

Juvencio de Arruda disse...

Que que é isso, Lulu?

nucleo13 disse...

O PT rachou essa semana com a decisão inédita da DS(democracia socialista), tendencia interna do PT da qual faz parte a governadora Ana Julia e a maioria dos secretarios de estado que são do PT.

Falando em nome da DS, Claudio Puty(casa-civil), Edilza Fontes(Escola de governo), os irmãos Marcilio monteiro(projetos estratégicos) e Maurilio Monteiro(ciência e tecnologia), estão orientando integrantes do governo e lideranças de base da DS à votarem e pedirem voto para Duciomar Costa e quem não quiser, que opti pela neutralidade na disputa, como fez a governadora.



Segundo esses militantes da DS, Claudio Puty(casa-civil) tem dito que votar em Priante no atual momento é fortalcer não somente um partido(no caso, o PMDB), e sim uma familia(no caso, a Barbalho), e um unico grupo de comunicação. Tem explicado que a vitoria de Priante, é a vitoria de Jader Barbalho, que de fato iria mandar na prefeitura, e mais, seria fazer refem, o povo do Pará, o PT e a Governadora Ana Julia, dos mandos e desmandos dessa familia.



Sabendo disso, o antigo Campo Majoritario do PT resolveu agir, comandado pelo deputado Federal Paulo Rocha, o Campo majoritario é a união de varias tendencias internas do PT que tem como seus representantes no Pará, 5(cinco) dos 6(seis) deputados estaduais petistas( Regina barata é independente, porem esta insatisfeita com os rumos do governo) os 3(tres) deputados federais do PT, aproximadamente 150 dos 176 vereadores eleitos pelo PT paraense, 22 dos 27 prefeitos eleitos pelo PT no Pará, proporcionalmente falando, é como se Paulo Rocha tivesse controle de 75% a 80% do PT-Pará.



O que lhe da ampla vantagem para disputar em 2009 o PED-PT, que é o Programa de Eleições Diretas do PT, para não ficar mais atras nessa disputa, a DS resolveu se organizar e ir a campo filiar mais de 20.000 novos militantes para o PT, pra dessa forma buscar vencer o campo Majoritario.



Com o apoio do deputado Jader Barbalho, Paulo Rocha resolveu fazer uma manobra arriscada em termos politicos, alem de ganhar o PED-PT/2009.

Paulo Rocha vai propor previas em 2010 para a escolha dos candidatos petistas ao governo e ao senado, caso os indices de aprovação do governo Ana Julia continuem baixos. A manobra é arriscada, mas o inquilino do poder( Jader Barbalho ) deu seu aval para Paulo Rocha começar a operar tal manobra.



Muitos petistas estão encarando essa proposta como uma verdadeira imposição de Jader Barbalho para continuar a aliança em 2010, outros tratam o assunto como se fosse uma verdadeira intervenção dos Barbalhos em assuntos de consumo interno do PT, o que tem feito tremer essa famosa aliança politica.



A proposta de Jader Barbalho caso Priante saia vitorioso, é que Maria do carmo deixe a prefeitura de Santarem para disputar o governo do estado pelo PT com um vice do PMDB, deixando assim a prefeitura de Santarem para o PMDB.

Segundo ele, Maria do Carmo contaria com as 38 prefeituras ganhas pelo PMDB, entre elas, Belém, Ananindeua e Santarem.

Ja para o senado, os candidatos seriam ele mesmo mais o Deputado Paulo Rocha, ou seja a verdadeira aliança que Jader quer é pelo poder.



Quanto a Ana Julia, os planos para a governadora é que ela seria uma boa puxadora de votos para a camara de deputados, sendo provavelmente a mais votada do Pará, puxaria no minimo mais dois deputados alem dos tres existentes.



Agora é como dizem alguns petistas historicos, só falta combinar com os Russos!

Juvencio de Arruda disse...

É mesmo, Núcleo 13?
Então eu vou abrir mais um blog, porque só o Quinta não vai dar conta...rs

Núcleo13 disse...

hehehehe!
forte abraço!

Anônimo disse...

Juca, o Adamor tá com discurso de quem perdeu a eleição e tem que justificar aos eleitores...
Primeiro o índio diz que foi tudo bem... depois que ele mesmo praticou ilícito... Ora ora!!! Acho que esse iniputável teve muito$$$$ motivos para mudar de opnião!!!

Juvencio de Arruda disse...

Nucleo, pra vc tb.

Das 5:54, aguardemos a entrevista coletiva do João Batista.

CJK disse...

Acabei de ser entrevistado ao telefone pelo Ibope.
Só que não servia para o que a entrevistadora queria: mais de 50 anos, de 5a. a 8a. Série. Só estava certo para o quesito sexo, masculino. Perguntei se estavam discriminando os possuidores de nível superior. A mocinha disse que a quota de nível superior já estava completada, lá no "sistema" deles, e agora estavam "catando" para as respostas os coroas semi-analfas... hehehe.
Não quis falsificar a pesquisa, mas bem que ela insinuou que eu podia me declarar naquela faixa demográfica, mas eu disse que gostaria que a pesquisa realmente fosse corretamente aplicada.
Será que eu fui ingênuo?

Juvencio de Arruda disse...

Ahahah...essa perguntinha é tão ingênua, Cjk...rsrs.
Que pena que um dos candidatos "perdeu" um voto, não é mesmo?

Anônimo disse...

Luluquefala:
Poxa, cjK, nem pra voce mandar ela ligar pro vizinho...

gluglu disse...

inimputavel não, semi-imputável. Dependendo do caso, com muito imputável mesmo. Índio quer buzina, apito não quer mais.

Anônimo disse...

Essa turma do Marcílio não é mole. Fala-se do grupo Leolar, mas é bom tá de olho na verba cada vez mais farta que vai sair pro novo jornal da praça o República dos cofres do estado. Há quem diga que o sócio oculto despacha no palácio dos despachos.

Anônimo disse...

Prezado Juvêncio,

Satisfação em cumprimentá-lo. Gostaria de visitar o seu blog, como sempre o faço,para tratar de matérias ou pescar notícias de relevante interesse para o Estado.Contudo tenho sido citado sobre assuntos que envolve fatos ocorridos na minha terra natal,Santa Luzia do Pará,e como não fujo do bom debate, presto os seguintes esclarecimentos,inclusive para o anônimo das 5:54:

Eleição se perde e ganha. Nas municipais ocorridas neste mês, ajudei a eleger 05 Prefeitos e 32 vereadores. Muitos partidários vitoriosos e outros com insucesso. É normal,faz parte do processo democrático. Eu mesmo, pessoalmente, já ganhei muitas e perdi outras.
O que não é aceitável, meu ilustre jornalista, é o conformismo com a fraude, com o roubo de votos e com a tramóia.
Aqui, neste caso, não há conflito com a nossa Governadora, com setores do governo ou mesmo uma disputa do G-10 com o PT. Longe disso. Seria leviandade partir nessa direção.
Fora os exageros de apaixonados partidários de ambos os lados, o que tem ocorrido, nessa questão,de mais a mais, é a profunda diferença de opinião sobre o caso entre 02 deputados que foram votados lá na municipalidade, mas que se respeitam mutuamente; Eu e o Bordalo.
A propósito, já fiz um desafio ao meu colega Carlos Bordalo, que apadrinha o Prefeito "Louro do PT", de Santa Luzia:
VAMOS APURAR A DENÚNCIA DE FRAUDE ELEITORAL: Se não tiver havido fraude RENUNCIO O MEU MANDATO DE DEPUTADO ESTADUAL. É pra valer.
Mas se proceder a denúncia, negada pelo próprio colega de Parlamento, QUE ELE PELO MENOS LICENCIE-SE DO MANDATO NA ALEPA POR 06(SEIS) MESES.
Até agora não houve resposta para o repto lançado, Juvêncio. Inclusive, da Tribuna da ALEPA.

Aproveito o seu prestigiado blog e reformulo o desafio:
RENUNCIO O MEU MANDATO SE NÃO TIVER HAVIDO FRAUDE, MAS, EM CONTRAPARTIDA, QUE O COLEGA BORDALO SE LICENCIE POR APENAS 01(UM) MÊS, SE PROCEDEREM OS FATOS DENUNCIADOS.

O MANDATO X 01 MÊS DE LICENÇA

Para isso precisamos:
1) Periciar o CD com a gravação da voz do Mesário Marcelo Tembé para comprovar ou não a sua autenticidade. Nesta gravação o mesmo confessa a fraude eleitoral e a sua motivação.
2) Realizar exame grafotécnico nas folhas de votação das seções 189 e 190 para atestar ou não se um mesmo punho assinou por diversos eleitores.
3)Realizar exame grafotécnico na Declaração com firma reconhecida no Cartório Conduru, datada de 17/10/2008, onde o Mesário Marcelo Tembé confessa como praticou a Fraude Eleitoral,inclusive revelando que o Prefeito Louro obrigou-o a assinar um documento sem que soubesse de seu conteúdo.
4) Comprovar ou não a denúncia de que houve a apreensão por parte da Policia Militar de 85(oitenta e cinco)credenciais de fiscalização da Coligação Muda Santa Luzia(MICO-22), na madrugada do dia 05/10(dia da eleição), impedindo a fiscalização de grande parte das seções eleitorais da Zona Rural,inclusive da Aldeia Tembé.

O Aldemir(MICO), meu irmão que foi candidato a Prefeito, tem razão numa coisa, Juvêncio: O QUE SE QUER É A VERDADE REAL. QUE O RESULTADO HONESTO DAS URNAS PREVALEÇA. Ganhar na marra, não. Não e não.
Eu também acredito na Justiça Eleitoral do meu Estado, e, nela,
estou depositando a minha confiança.
Um forte abraço, Juvêncio.

Deputado ADAMOR AIRES
Líder do PR

Anônimo disse...

Sobre a entrevista na sede do PT, a respeito da fraude eleitoral de Santa Luzia, seria importante algum jornalista perguntar ao Indio NALDO TEMBÉ,que foi candidato a vereador pelo PT, as seguintes perguntas:

a)Quem foi que financiou a sua rica campanha eleitoral, que tinha de tudo. Vários comitês, carros-som,material de propaganda diferenciado dos demais candidatos do PT e de excelente qualidade,inclusive,produzido numa das melhores gráficas de Belém,a Grafica Aves, dezenas de Assessores,enfim, dinheiro farto e à vontade.
b) Se o Mesário Marcelo Tembé, que confessou ter fraudado as urnas na Aldeia,beneficiando NALDO E LOURO DO PT,é seu parente. E se caso afirmativo, não é estranho e ilegal que aquele cidadão fosse nomeado como Mesário?
c) Se NALDO TEMBÉ concorda com o pedido para que seja feito exame grafotècnico nas folhas de votação das seções 189 e 190.
d)Se é verdade que LOURO DO PT, candidato a reeleição à Prefeitura de Santa Luzia, prometeu 02 Secretarias Municipais e outras melhorias aos indios Tembés
e)E, se possível, em nome da verdade, que revele ao Povo Paraense qual o grau de sua participação na fraude eleitoral, bem como confesse quanto $$$$$$$$ ele, NALDO,está recebendo de Louro do PT para "calar o bico", sobre uma fraude que até bebezinho de colo sabe que ocorreu.
Não é nenhum voto nulo?
Não é nenhum voto em branco?
Não é nenhuma abstenção?

NÃO É TODOS OS VOTOS PARA O LOURO?

Juvencio de Arruda disse...

Andréa Maria e Marcelo, vcs podem até não respeitar o deputado Adamor.
Mas respeitem o blog, dupla de safardanas.