30.5.07

Regalo

O senador paroara Fernando Flexa Ribeiro (PSDB) passou o dia ontem respondendo aos telefonemas de jornalistas interessados em detalhes sobre o mimo que recebeu da construtora Gautama.
Foi uma gravata, no Natal de 2005.
Dizendo ele que nunca usou a lembrancinha.

9 comentários:

Anônimo disse...

O envolvimento de Fernando Flexa Ribeiro em maracutaias não é nenhuma novidade, em 2004 na Operação Pororoca da Polícia Federal o mesmo foi preso sob a acusação “montar uma quadrilha para fraudar licitações para grandes obras realizadas no Amapá”. À época Fernando Flexa Ribeiro era o suplente de Duciomar Costa e viria assumir (assumiu) sua vaga de Senador.
“Segundo o delegado Tardelli Boaventura, da PF, que preside os inquéritos, as fraudes aconteciam na Comissão Permanente de Licitação (CPL) do governo do Amapá e das prefeituras de Macapá, Santana e Oiapoque, município localizado na fronteira com a Guiana Francesa. A CPL direcionava a execução das obras para empresas que faziam parte do esquema, como é o caso da Engeplan, do suplente de senador Fernando Flexa Ribeiro; da Método Engenharia, de Eduardo Corrêa; e da Etecon Engenharia, do engenheiro Glauco Mauro Cei.”

Nada mais natural que o ilustre representante do Estado apareça agora recebendo agrados da Gautama...tudo como antes.

Carlos André

Anônimo disse...

Quantos brindes são enviados para parlamentares, autoridades, formadores de opinião durante ao ano?

Qual a relação com os negócios da Gautama?

O senador Flexa Ribeiro é um dos melhores senadores que o Pará já teve, mas isso, claro, não agrada os recalcados.

Quanto a prisão, em breve ficará provado que não há provas contra Flexa Ribeiro.
Aliás, seria bom o Carlos André, que é tão bem informado, se atualizar do andamento do processo....

Anônimo disse...

lembrancinha, juca. tem um cedilha excessivo aí.

Anônimo disse...

Gosto de ver, quem mata a cobra e mostra o pau(assina o poster).

Antonio Carlos de a.monteiro

Juvencio de Arruda disse...

rs..Obrigado pela lembrança, com çedilha.

Juvencio de Arruda disse...

Nova Zelândia, Antonio Carlos?
Isso é que é mudança!...rs
Abs

Anônimo disse...

Menos, anônimo de 12:19...
O senador Flexa Ribeiro de santo não tem nada, sua criatividade vai desde as obras da engeplan - gestão 1 de Almir, até cair de "paraquedas" no senado - pois ninguém votou nele como seu representante nas esferas governamentais, por força de acordos e outras "cositas mas", hoje ele tenta mostrar serviço... Pelo seu histórico, não confio nele...

Anônimo disse...

O flexa Ligeiro era o Operador dos contratos de obras do Almir e, por que não, Jatene!$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

Anônimo disse...

Deve ter sido uma gravata daquelas: "vota essa emenda aí se não eu aperto mais... ou não solto nada."