15.4.08

Os Coitadinhos

Da edição das bancas do Jornal Pessoal, de Lucio Flavio Pinto, e na web pelo blog do Estado do Tapajós.

Beatitude do PT

O PT é o partido salvífico e os petistas acham que formam o povo escolhido. Reduzem o Brasil que presta a eles mesmos. Imaginam-se cobertos pelo manto invisível da predestinação, de filhos da história, que lhes permite agir com desenvoltura, mesmo quando cometem pecados tão condenáveis quanto os daqueles para os quais se apresentam como a alternativa saudável.
Tudo que for atirado contra eles, não colará. São imaculados por origem, geneticamente destinados a ser a fonte da esperança e da utopia.
O caso dos cartões corporativos, por exemplo. Foi no governo Lula que surgiram os mecanismos de controle e transparência, que deram ao cartão, criado em 1998 e implementado só em 2001, último ano do mandato de Fernando Henrique Cardoso.
Antes, as despesas pessoais da cúpula da tecnocurocracia federal eram matéria sigilosa, fora do alcance dos cidadãos. Ao mesmo tempo, porém, o governo do PT introduziu uma novidade: os saques dos cartões em dinheiro vivo.
Dos 78 milhões de reais que irrigaram os bolsos dos apparatchicks que ordenam pequenas despesas (contra R$ 8,7 milhões em 2003, primeiro ano de Lula), R$ 58 milhões (mais de dois terços do total) foram sacados na boca do caixa por 11,5 mil funcionários.
Com essa liberalidade toda, queriam o quê?

5 comentários:

Anônimo disse...

A quem veja as digitais do governo estadual na possivel candidatura do senador José Nery(PSOL) a prefeitura de Abaetetuba .Dessa forma Ana Júlia contribuiria com o presidente Lula, tirando um oposicionista e colocando um governista. Para quem não sabe, o suplente do senador Nery, ja esta no aquecimento.

O futuro senador Michel Dib Tachy(PR) atual Diretor de Infra-Estrutura Aquaviária do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes-DNIT- MT. Aguarda ancioso o lançamento da candidatura de José Nery.

Anônimo disse...

Não tem nada a ver com a postagem, é só pra dizer que o debate das eleições para a direção do Instituto de Ciências Jurídicas da UFPa ocorreu hoje e foi bastante tenso. Diante das várias acusações lançadas por ambos os candidatos, os professores Paulo Weyl e Élcio Aláudio quase chegam Às vias de fato. O debate foi gravado e estará disponível para download no site do icj.

Anônimo disse...

Viva o dr. Michel Tachy

Anônimo disse...

Podemos estender a avaliação do Lucio para toda a esquerda, com execessão dos que não estão no governo.

Juvencio de Arruda disse...

Sugiro consultá-lo antes de fazer tal afirmativa.