26.4.07

Planejamento Com Repasses

O prefeito de Capanema, Alexandre Buchacra, eleito pelo DEM e agora no PT - e isso merece um post - foi o anfitrião da renuião do PTP da meso regiao, em que compareceram 30 prefeitos e, de novo, muita gente.
Ouviram uma boa notícia: Ana Julia vai retomar os repasses dos convenios suspensos no final do ano passado.
Coisa, falam, de R$ 22 milhões, só para quem estiver em situação regular.
Aí é o chôro.

6 comentários:

francisco rocha junior disse...

É Juvêncio, parece que o charme pessoal da governadora é maior que o do deputado Vic. Alguém duvida disso? E será o id maior, também?

Anônimo disse...

Enquanto discursa por aí, para ludibriar o povo novamente, a governadora tenta passar ao largo das duras e verdadeiras críticas feitas pela revista Veja, uma das mais respeitadas do país. Para recordar: Ana Júlia emplacou o primeiro ex-marido, Romulo Paes, como secretário de avaliação do Ministério do desenvolvimento Social. Emplacou o segundo ex-marido, Marcilio Monteiro, como gerente executivo do Ibama e, agora, como secretário de assuntos aleatórios. Nomeou o namorado, Mário Costa, como administrador do Hangar do Estado. Fretou e pagou com dinheiro público o avião das ORM para assistir à formatura do filho em Belo Horizonte. Passou a Semana Santa em Salinas com o namorado e 22 assessores e pagou diárias de trabalho para todos. Contratou a dermatologista, Fátima Costa, e a cabeleireira como assessoras especiais e só as demitiu porque o episódio se tornou público. Ao invés de usar a residência oficial, alugou e reformou uma mansão no CristalVille, com dinheiro do Estado. Não adianta, minha gente, querer fazer marketing permanente, montar palanques fora de hora, como está fazendo a governadora de Jáder Barbalho e do Zé Geraldo (os padrinhos do desastre). Tá na hora é de desmontar o palangue, limpar as cagadas e trabalhar. Discursar é facil. Quero ver é governar.

wanterlor disse...

Meu Camarada, fugindo assunto postado, mais veja que a "nossa vale" patrocina aqui em Parauapebas. Alem de importar a mão de obra basica, o gerente da empresa chama todos os trabalhadores aqui de Parauapebas de Vagabundo.
Veja a reportagem do Correio do Pará:

Vereador pede explicação de terceirizadas da Cia Vale do Rio Doce


A empresa ICEC Construções Ltda, que presta serviços para a Companhia Vale do Rio Doce, foi alvo de duras críticas feitas pelo vereador Wanterlor Bandeira (Psol). Segundo ele, a empresa que presta serviços para CVRD, contrata mão de obra de outros estados e não oferece nenhuma renda para o município. Em resposta ao ofício, enviado pelo parlamentar no início deste mês, a empresa teria argumentado que não há “mão de obra qualificada”.
De acordo com informações obtidas por Wanterlor na Bolsa de Empregos, a ICEC estava contratando mão de obra toda de fora para trabalhar na execução das obras de ampliação do restaurante central de Carajás na mina de N4. “O prejuízo disso é que o investimento não fica aqui, sem falar no detrimento da mão-de-obra local, milhares de pais de famílias que são profissionais, sabem trabalhar e que estão à procura dessas vagas”, disse Wanterlor.
Porém, a resposta da ICEC , que tem em seu quadro de funcionários 77 pessoas, e destes apenas 20% é da localidade, é que não conseguiram encontrar no município “pessoas com perfil profissional que atendesse a maioria dos serviços, tais como assentamento de pisos de alta resistência, instalações elétricas, lógica, gás e coberturas metálicas sobre concreto armado”.
Wanterlor aproveitou em seu discurso para cobrar do poder executivo e da Companhia Vale do Rio Doce que as prestadoras de serviço à mineradora possam utilizar mão-de-obra local. “Somos um canteiro de obras com mão-de-obra especializada que podem trabalhar e oferecer renda a família de vários Parauapebenses”. esclareceu.
O parlamentar se diz preocupado com a situação, porque segundo ele, são empresas vindas de fora que não têm compromisso com a cidade, levando o capital lucrado consigo quando as obras terminam. “Aqui nós temos empresas com o mesmo potencial, até melhor que essa empresa, que dá pra construir um refeitório ou um pátio de uma oficina e a Vale do Rio Doce não tem preocupação que a empresa seja local, afirma Wantelror.
Em nota, a CVRD disse que não tem como obrigar suas contratadas a utilizarem mão-de-obra local. “Sem que isso se traduza em uma ingerência na administração destas, o que é vedado e não recomendado pela legislação vigente”.
O parlamentar discorda da Vale, uma vez que acha que nisso está uma contradição da própria empresa, que sempre prega grandes investimentos para o Estado do Pará. “Se ela patrocina uma empresa dessa e não do município, ela não está fazendo o que diz, porque isso só traz problema social para nós”, declara o vereador.
O vereador ainda sugeriu que fossem colocados outdoors espalhados pela cidade para demonstrar a indignação de todos os trabalhadores e parauapebenses com os dizeres: “ICEC não é bem-vinda”.

Anônimo disse...

Caro Francisco Rocha,
Você tem toda razão quando fala do charme da nossa governadora. E não é só charme não. Tem carisma também, tenho que reconhecer.
Aliás, essas mulheres que estão chegando com força e ocupando os cargos mais importantes na política, mostram que o eleitor cada dia que passa, confia mais nelas. É impressionante !
Fico muito feliz de saber que a cidade de Capanema, que sempre me deu uma grande votação, foi a anfitriã da reunião do PTP, com a presença da governadora Ana Júlia.
Vou ficar ainda mais feliz quando a governadora liberar recursos para a cidade, já que agora o prefeito está no seu partido, o PT.
Agora, não vamos mais aceitar desculpas de ambas as partes. Todos estão juntos, por um só objetivo: melhorar a qualidade de vida daquele povo tão carinhoso, que sempre me recebeu com um grande sorriso no rosto, e que depositou em forma de voto a sua confiança em mim.
Fiz o que pude nesses anos, e tenho como testemunha o Prefeito Alexandre, meu amigo pessoal.
E faço questão de registrar que ele também fez máximo que pôde para conseguir todas as minhas grandes votações. Ele, e todos os seus amigos, que são e continuarão sendo meus também.
Desejo, e com certeza a Valéria também, que tanto lutou e trabalhou pela sua eleição em 2004, contra tudo e contra todos, que o Alexandre encontre no PT, a mesma confiança, a mesma luta, o mesmo companheirismo, e principalmente, a mesma amizade que sempre teve aqui no Democratas.
Um abraço,
Vic Pires Franco
Presidente do Democratas

francisco rocha junior disse...

O deputado Vic é um danado! Não perde a oportunidade de fazer sua propaganda!
Mas tá certíssimo ele, que afinal é marido, presidente do partido e maior cabo eleitoral da Sra. Pires Franco. Eu não faria diferente.
Realmente, deputado, tem vários "C" da governadora envolvidos nessa troca de partido do prefeito Buchacra: charme pessoal, carisma, chave do cofre e caneta. Só faltou coerência política e compromisso programático. Ou eu sou ingênuo e nada disso mais conta?

Anônimo disse...

Caro Francisco Rocha Junior,
Irreparável o seu comentário.
Um abraço,
Vic