13.5.08

Fora do Prazo

No blog da Alcinéia Cavalcante, de Macapá.

Procon fecha supermercado Yamada
Quem diria que um supermercado como o Yamada poderia ser uma ameaça à saúde do consumidor?Pois é. O Yamada estava vendendo alimentos, como queijos e iogurtes, com prazo de validade vencido. Por causa disso foi fechado pelo Procon durante cinco horas na última sexta-feira. Foi pouco. A punição foi muito pequena para o tamanho do risco que correm as pessoas que consomem produtos vencidos. Imagine o que pode acontecer com uma criancinha que tome um iogurte impróprio para consumo. Há alguns anos eu soube de um caso aqui em Macapá de uma criança que contraiu uma infecção e morreu porque tomou um iogurte com prazo de validade vencido.

10 comentários:

Darte Vasques disse...

Se o Procon em Santarém, resolvesse fechar os supermercados que praticam esse "comércio", ia ficar difícil pro meu sobrinho tomar iogurte.

Juvencio de Arruda disse...

Lamento pelo seu sobrinho, Darte, mas...até o CR tá nessa?
Deveria ser permitido ao cliente meter o dedinho e furar o rótulo de produtos vencidos e expostos à venda. Num instante acabava a pouca vergonha.
Parabéns pelo blog, obrigado pelo link e dê um abraço nesse flamenguista mané seu colega de redação aí no JC.

Anônimo disse...

Aqui em Marabá? Já pensou se o procon servisse ao menos pra isso...

Anônimo disse...

O Procon aqui do Pará, depois dessa notícia, tem o dever de fazer uma fiscalização rigorosa nos Supermercados Yamada em todo o estado.
Vic Pires Franco
Deputado Federal

Anônimo disse...

O deputado Vic, que já foi tão ajudado pelo Grupo Yamada ...

Anônimo disse...

Mas não tem problema, é tudo gente boa!

Dulcivânia disse...

Moro em Macapá. Até hoje não entendo porque a Yamada daqui destoa completamente das lojas do grupo em Belém. Será que os donos nunca vieram aqui, pra conferir?!

Juvencio de Arruda disse...

Carísima, minha companheira deixou de fazer compras nas Yamadas daqui pelo mesmo motivo. E o maior super do grupo, na gov. José Malcher é um compêndio de imundície, dentro e nos arredores.

Anônimo disse...

Por que será que os grupos de supermercados que realmente prestam não entram aqui em blangadesh? Ou vcs acham que no lïder é muito diferente?
O Olho que tudo vê.

Anônimo disse...

Yamada do Iguatemi - charque: só cebo e velho, cesta de mão imundas, maçãs canalhas, frango assado pitiú, farinha baguda, frango resfriado roxo, filas intermináveis, careiro como sempre e vive lotado.