7.5.08

Pausa

Compromissos profissionais do poster vão impedir postagens e moderação de comentários até a próxima segunda.

15 comentários:

Anônimo disse...

VALE SOLICITA AO GOVERNO FEDERAL OBRA NOS MUNICÍPIOS DE SUA ABRANGÊNCIA
Obras destinam-se a atender região da Vale

Prefeitos de sete municípios do Sudeste do Pará entregaram nesta quarta-feira (7), ao ministro das Cidades, Marcio Fortes, pedido de investimentos de recursos federais em obras da infra-estrutura na região, no valor de R$ 180 milhões para beneficiar 80 mil pessoas. A proposta foi feita a partir de resultado do Diagnóstico Socioeconômico do Sudeste do Pará, realizado pela Fundação Vale, que identificou as principais carências da região.

O ministro explicou que as necessidades criadas nesses municípios se assemelham às de áreas como do Comperj, no Rio de Janeiro, e do Porto de Suape, em Pernambuco, para onde migram muitos trabalhadores com suas famílias em busca de emprego. Boa parte dos projetos pode ser atendida, segundo ele, no âmbito do Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social (FNHIS). "O prefeitos saem na frente da seleção, pois uma das exigências é justamente ter projetos elaborados", explicou.

A Fundação Vale colaborou na elaboração dos projetos executivos de investimentos. Todos os municípios foram visitados por um grupo de trabalho composto por integrantes da Fundação Vale, do governo do Pará e da Caixa. O grupo recebeu dos prefeitos as principais reivindicações das comunidades. Cabe ao Incra agilizar a legalização fundiária urbana.

A proposta beneficia os municípios de Parauapebas, Canaã dos Carajás, Tucumã, Ourilândia do Norte, Curionópolis, Eldorado dos Carajás e Marabá. Está prevista a construção de cerca de 4 mil moradias, além de obras de drenagem, pavimentação e redes de água e esgoto.

Segundo o diretor-presidente da Fundação Vale, Silvio Vaz, que acompanhou prefeitos e representantes da Caixa e do governo do Estado, o objetivo é contribuir com os poderes públicos federal, estadual e municipal na redução do déficit de infra-estrutura nas regiões onde a empresa mantém suas operações. “Esse trabalho é mais uma das ações de responsabilidade social da Fundação. Queremos contribuir para fortalecer os investimentos na região”, disse Vaz. O diagnóstico foi elaborado por uma equipe de 40 profissionais entre arquitetos, sociólogos, historiadores, assistentes sociais, médicos, economistas, educadores, engenheiros, geógrafos.

Foram feitas projeções econômicas, demográficas e da demanda dos serviços e de infra-estrutura para obter uma visão de futuro, considerando tendências de crescimento da economia – sustendada na agropecuária e mineração – e os investimentos previstos pela Vale até 2010.

O trabalho é compartilhado com prefeituras, câmaras municipais, entidades empresariais, ONGs e governo estadual do Pará. A reunião teve a participação do diretor-executivo de Gestão e Sustentabilidade da Vale, Demian Fioca, da secretária substituta de Habitação do MCidades, Júnia Santa Rosa, e do diretor da Secretaria de Saneamento do MCidades, Marcio Galvão.


Ministério das Cidades
Assessoria de Comunicação
61 2108.1602

Anônimo disse...

Descanso merecido, caro Juca!
Mas não podia deixar de passar por aqui e comentar o fiasco do urubu (que pena).
Acho que os serelepes flavelados foram farrear e devem ter pego carona no salto de algum "travestido" hehehe
E antes que eu esqueça, não me venham os Chicos e Narcisos da vida atirando pedra, pois o Urubu é o melhor ... de se ver perder, perder, perder, uma vez flamengo, sempre vai perder ... (ah se a final do carioca fosse Fla x Flu, seria um "ai Jesus")
O Vigiador

Juvencio de Arruda disse...

rsrs...Vigiador, eu vi a onda braba. Com direito a chororô do (excelente) goleiro Bruno.
Morri de peninha...rs

Anônimo disse...

Juca, você já está importante igual ao Orly, que quando a gente liga pra ele, está sempre em reunião com o prefeito Duciomar e sua equipe de marketing.
Volte logo.

Anônimo disse...

Despeito deste tal vigiador... Quem é grande e imortal como o Flamengo mostra sua grandeza após uma derrota. Vamos em frente, levantar poeira!!!!

Anônimo disse...

Vc e o Barata, ESTÃO PROIBIDOS de folgar. Beijos

Anônimo disse...

Vocês lembram do processo em que o Jatene é réu na Justiça Federal ?
Pois é, voltou a andar.
E as notícias não são nada animadoras para o ex governador.

Anônimo disse...

Que processo, anônimo das 6:53 ?

Anônimo disse...

Luluquefala:
Hoje, minha homenagem a quem mais sofre na boca do povo: as mães dos nossos políticos.
Feliz dia das mães !

Anônimo disse...

A peça teatral não passou ?

Cris Moreno disse...

Juca, deixei um comentário aqui. Estranho.

Beijos.

Cris Moreno disse...

Levei o o post para o morenocris. Muito bom. Estou adorando os posts/artigos.

Beijos.

Seria tão bom se um antropólogo deixasse um comentário.

:)

Juvencio de Arruda disse...

Oi querida.Não sei o que aconteceu. Seus comentários são, sempre, muito bem vindos por aqui.
Lamento o problema.
Bjs

Cris Moreno disse...

Juca, desconsidere os comentários que deixei agora. Coloquei na caixinha errada. Perdão, professor.

Beijos.

Juvencio de Arruda disse...

rsrs...não há caixinha errada pra vc, querida...eheh
Bjs professora.