28.7.08

Narciso

Do comentarista Plebe Rude, sobre o post abaixo.

Narciso é um personagem caro à psicanálise.
De tanto olhar-se no espelho, de tanto supor que aquilo que via era a imagem da perfeição, e de que tudo o que fizesse estaria na medida exata de sua "bela" imagem, Narciso não suportou as brechas, as falhas, as fraturas d'alma.
Assim é o Governo Ana Júlia: narcisista, prepotente, solitário.
O Sr. Charles Alcantara descreve os sintomas da doença narcísica que acomete nosso governo popular: isolamento, prepotência, insegurança, desconfiança.
Doentes e sós querem, eles, nos contaminar com a linguaguem da hiprocrisia, nos seduzir com o velho discurso de que suas estórias de luta e sacrifício os colocaram na condição de visionários, de ungidos, de "salvadores da pátria".
Mas não passam de vendilhões, de pequenos burgueses, todos agarrados nas tetas de seus empregos, de seus carros, de seus interesses privados. Não querem governar para os públicos que os elegeram, querem negociar o curto prazo, manter a funcionalidade de seus cargos, acumular, usufruir, gozar.
Gozar, gozar, gozar.....este é o mundo de Narciso.

2 comentários:

Bia disse...

Bela manhã, Juca querido, céu azul, gente passeando pelas ruas, de onde acabo de voltar para retomar o trabalho começado às 6 da matina...rsrsrs...

Plebe Rude foi psicanálise afora e fez um comentário muito instigante.

E, ficando na área dos psicanalistas, acrescento que os meninos do Poder estão tão apaixonados pelo Poder que é preciso lembrá-los:

" Uma paixão não pode ensinar nada, pelo contrário, conduz à morte, caso não seja escutada por aquele que está fora, por aquele que é estrangeiro, por aquele que pode cuidar dela."

Pierre Fedida


Beijão procê. Fico aguardando o ansiado telefonema.

Anônimo disse...

buemba!!!!diria o macaco simao!
mas que estória é essa de gozar, gozar e gozar?
caramba, que tara!
Dê-se o crédito ao mestre jader barbalho, por, finalmente, desnudar o pt paroara
é tudo farinha do mesmo saco!