2.7.08

Desserviços à Democracia

No site do Jeso.

Do professor-doutor Samuel Lima, sobre a censura imposta ao blog:

Solidarizo-me com você. Não interessa qual o contexto ou cor partidária e/ou ideológica, a decisão da juíza é típica destes estranhos tempos em que a justiça eleitoral pratica a censura, pura e simples, proibindo os jornais de fazerem jornalismo - ou seja, de publicar entrevistas com os candidatos dos principais (todos, pasmem) partidos.
Estou falando da Folha de S. Paulo e d’O Estadão. É uma decisão essencialmente autoritária e inconstitucional. Afinal, a liberdade de expressão e o direito à informação são condições básicas de qualquer democracia digna desse nome. O judiciário deve zelar pela democracia, e não agir contra. Desde que acompanho o blog, vejo e reconheço no seu trabalho a verve jornalística, um espaço de debate amplo, plural e democrático. Não me conste que caras qualificados como o Evaldo Viana, por exemplo, tenha deixado de criticar a atual administração pública e outros articulistas de fazerem a defesa aqui no blog.
Mas, há quem esteja viajando mais longe ainda. O Ministério Público gaúcho pretende pedir a extinção do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra por considerá-lo “subversivo”,“ilegal” e “contra a ordem”. Já vimos este filme antes, nos idos de 1960 e o resultado negativo está na nossa cara: uma geração inteira de líderes foi dizimada pela ditadura, a ruptura com a cultura democrática, o atraso em termos de organização da sociedade. Pretender extinguir uma entidade das mais representativas no cenário sócio-político brasileiro atual é de fato tentar revogar a “lei da gravidade”.
A decisão, infeliz e lamentável, da juíza Betânia Figueiredo Pessoa, é um desserviço à democracia!


----------

Samuel Lima é Doutor em Teoria do Conhecimento e coordenador do curso de Comunicação da IELUSC-SC. É paraensíssimo de Santarém.

----------

A decisão da juíza se estende também ao jornal impresso Estado do Tapajós, subtraindo-os, e seus leitores, de informações relevantes ao debate público que envolve a sucessão santarena.

Um comentário:

Cris Moreno disse...

Caramba...essa foi bem pior!

Beijos.