28.6.08

Out

Bom final de semana a todos e até segunda.

-----

Atualizado às 08:00 da segunda, 30.

As postagens recomeçam a partir das 15:00.

19 comentários:

Anônimo disse...

Finalmente caiu o véu da moralidade, que o presidente do PV, o ex petista, ex almirista, e hoje duciomarista, Zé Carlos Lima, pregou tanto no seu blog.
Zé Carlos levou o seu partido para os braços de Duciomar.
De verde, Zé Carlos não tem nada. É um laranja a serviço do prefeito Duciomar Costa. É um blogueiro mentiroso e fanfarrão. Um eterno bôbo da corte.
Logo o Duciomar, que Zé carlos desancou tanto no seu blog, mostrando a todos nós a corrupção desenfreada na prefeitura.
Quem mudou, o Zé Carlos ou o Duciomar ?
Pra mim, nenhum do dois. Eles apenas se completam.
VPF

Anônimo disse...

Palavras do fanfarrão Zé Carlos Lima, do PV:
O deputado Jordy é o único dos candidatos que não deve explicações sobre acusações, para o eleitor.
Então eu pergunto: por que Zé Carlos não levou o seu PV para fechar com o Jordy ?
E aí eu respondo: Porque Zé Carlos e Duciomar são como a tampa e a panela. Um completa o outro.

Anônimo disse...

Juca,

Recentemente fui informado sobre a extinção do Instituto Dalcídio Jurandir, criado em 2003 no ambito da Fundação Casa de Rui Barbosa, órgão federal, vinculado ao Ministério da Cultura e sediado na cidade do rio de Janeiro.

Com essa medida o acervo do nosso grande escritor Dalcídio Jurandir (1909-1979) perde um amparo institucional. Ainda que permaneça seguro, sob a atenção de José Roberto Pereira, filho do autor.

Vale lembrar que nos cinco anos de existência o referido instituto publicou em parceria com a UFPa "Belém do Grão Pará". neste mesmo período o Gov. do Pará publicou "Dalcídio Jurandir, romancista da Amazônia".

O ano de 2009 marca o centenário de nascimento do escritor e bem poderia ser observado como uma boa razão para uma reflexão mais atenciosa e uma maior divulgação da obra deste que foi um dos nossos grandes escritores.

Ficam duas pergunta:
1. A UFPA (Letras & Artes) e o Governo do Estado (Cultura) sabem sobre estes fatos?
2. Há alguma movimentação por parte destas instituições objetivando medidas destinadas a preservar, estudar e divulgar a obra do meste Dalcídio?

Juca, imagino que você é uma pessoa sensível a temas desta ordem e fico grato por sua atenção.

Saudações,

Prof. Ludovico

Bia disse...

Bom fim de semana,querido.

Se você puder e quiser, pra semana estou à sua disposição.

Escolha as armas, o padrinho e o local...rsrsrs...

Beijos.

Cris Moreno disse...

Bom final de semana Juca.

Beijos.

Anônimo disse...

Caro Juvencio, aqui em Ananindeua foi ratificada a candidatura de Sandra Batista como vice do Helder,depois de muita relutancia e choro,o Luis Freitas, que sonhava ser o candidato,desistiu na convenção. Aliás, ele nem apareceu. Provou do próprio veneno. rsrsrsrsrs.

Anônimo disse...

Não convidem para a mesma kombi, os senadores Flexa Ribeiro e Mário Couto.
Água de côco em Icoaracy, nem pensar.

Anônimo disse...

O laranja Zé Carlos, presidente do verde partido, diz no seu blog que em Marabá a coerencia lhe recomenda ir de Salame para prefeito.
E aqui, Zé laranja, a coerencia lhe manda pra onde, pro Dudu ?
Pelo jeito, o Zé laranja, está mandando as favas, a coerencia que nunca teve.

Anônimo disse...

Esse Jordy é um figura mesmo! Tinha um acordo de apoiar o Zeca Pirão se este estivesse melhor do que ele na pesquisa. Na ultima hora, com pesquisa na mão e estando atrás do Pirão, jordy mudou de ideia, assim como quem muda de roupa, e deu o dito pelo não dito, o feito pelo não feito, rompeu o acordo e perdeu algumas amizades! Tenho pena daqueles que acharam que Jordy cumpriria o acordo! Nunca cumpriu e nunca irá cumprir!

Anônimo disse...

Só quem é bôbão, pra não dizer pirão, pra achar que o vereador Zeca Pirão aparece melhor nas pesquisas do que o deputado Jordy.
Ou então, a pesquisa do Pirão foi feita só de um lado da avenida Primeiro de Dezembro.
O responsável pelo instituto de pesquisa contratado pelo vereador Zeca Pirão contou essa pra todo mundo ouvir.
É Jordy e não se fala mais nisso.

Anônimo disse...

Figura é o Zeca Pirão, que beira o folclórico, achando que comprando uma pesquisa, poderia enganar a todos por muito tempo.
Nunca o deputado Jordy esteve atrás do vereador Zeca Pirão em nenhuma pesquisa.
Pesquisa séria, é claro.

Anônimo disse...

O que houve que o casal Pires Franco não deu o ar da sua graça na convenção do Pioneiro em Ananindeua ?

Bia disse...

Bom dia, Juca querido:

Agora dei pra perder meus comentários por aí..rsrsrs...

As pesquisas eleitorais (VOX e ACERTAR) sempre indicaram o Deputado Arnaldo Jordy à frente do vereador Zeca Pirão nas intenções de voto.


Ainda assim, preservando a intenção de ampliar alianças, o Deputado Jordy concordou com a realização da pesquisa de fluxo, que, como se sabe, é tão imprecisa quanto a chegada de Santo Ambrósio a tempo de votar. Mesmo assim, houve empate técnico.

A convenção do PPS reafirmou a candidatura do Deputado Arnaldo Jordy a prefeito, decisão unânime e respeitável. O PP realizará a sua ainda hoje.

Não há nada escondido, nem nada rompido.

Os "antipatizantes" do Deputado é que são precipitados demais.

Beijão, querido.

PS: estou clicando de novo. Parece que não vai!!!!

Anônimo disse...

Hoje é dia da onça beber água, Juca.
É convenção pra tudo quanto é lado, e gosto.

Janjão disse...

AMIGO JUVÊNCIO, SAUDAÇÕES AZULINAS

Bia disse...

Caramba!

Esse Janjão vai ter que nos encontrar no próximo ano...rsrsrs...

Beijão, Juca.

Anônimo disse...

Comprar Pesquisa? O instituto foi indicado pelo JORDY, o mesmo que faz pesquisa pra ele a anos! Ambos indicaram fiscais para o processo, e no final deu 14 a 7 pro pirão. Tá certo que o dono do instituto tentou favorecer o Jordy falsificando alguns resultados, mas a fraude foi detectada e a verdade reposta! Provas existem e providencias estão sendo tomadas!

Anônimo disse...

Seria bom se o anonimo das 7:47 AM perguntasse ao "responsavel" pelo instituto que fez a pesquisa, o porque de só os formularios que beneficiam o Jordy possuirem rasuras!

Anônimo disse...

O Jordy deixou o Zeca com o pirão na mão.