18.11.08

Reconhecimento

O Prêmio Verde das Américas 2008, categoria Direitos Humanos, vai ser entregue ao bispo prelado do Xingu (PA) e presidente do Conselho Indigenista Missionário (CIMI), dom Erwin Kräutler, no próximo dia 27, às 9h30, no Memorial dos Povos Indígenas, em Brasília.
O objetivo do Prêmio Verde das Américas é homenagear personalidades e instituições que têm, ao longo dos anos, contribuído para o desenvolvimento, a preservação ambiental do planeta e a melhor qualidade de vida. Apenas uma personalidade ou instituição em cada categoria, recebe o Prêmio. O bispo do Xingu foi indicado por diversas autoridades e comunidades indígenas.
Dom Erwin Kräutler nasceu na Áustria. Em 1980 foi consagrado bispo prelado do Xingu pelo Papa João Paulo II. Em 1981 recebeu a cidadania brasileira. Atuou com a irmã Dorothy Stang e prossegue no mesmo trabalho em defesa dos direitos das comunidades camponesas e indígenas, além da preservação ambiental na região amazônica

2 comentários:

Bia disse...

Bom dia, de novo, querido:

Dom Erwin merece. Mas, entrietece-me ter sabido recentemente, que Dom Pedro Casaldáliga está com sua saúde muito frágil. E poderia ser homenageado muitas vezes também com vários premios "Verdes" por ter sempre lutado pela preservação da vida humana.

Beijão.

Diógenes Brandão disse...

Poucos merecem e recebem títulos relevantes à moral e dignidade que trazem em sua trajetória de luta e vida.

Ponto ao Pará que vive negativado no negativo noticiário nacional. Ponto à luta por humanismo e o desenvolvimento com cidadania aos povos amazônicos.