19.5.09

Do Peito

Do querido mestre Edson Berbari, em correção ao título do post In Pectoris, grafado erradamente por este poster:

A expressão latina é in pectore (no ablativo singular).
No plural seria in pectoribus, porque pectoris é o genitivo singular de pectus!
A declinação completa é
Nominativo: pectus pectores
Genitivo: pectoris pectorum
Dativo: pectori pectoribus
Acusativo: pectorem pectores
Ablativo: pectore pectoribus
Vocativo: pectus pectores
Não se engane mais, meu mano velho.
Berba

11 comentários:

Anônimo disse...

Essa foi excelente, Juvencio, corretivo em latim e toda a declinação junto! Quero ver se você erra agora... rs rs Esse blog é duka!
Caius Julus caesar

Juvencio de Arruda disse...

Não, agora não erro mais, Julius.
E o Berbary é que é duka!

Yúdice Andrade disse...

O Berbary dá aula particular?

Juvencio de Arruda disse...

Caríssimo, o Berbary, ao que sei, mantém um poderoso curso de redação para vestibulares.

Anônimo disse...

Prezado Juvêncio, o porreta deste blog é que também se aprende (isto é, quem quer aprender, porque tem gente que olha e não enxerga nada)até latim clássico. Vamos solicitar aos blogueiros para que não deixem passar nada nos registros de idéias, inclusive nos comentários. Por sinal, temos lido alguns comentários, nos últimos tempos, que têm (com chapeu ou sem? Olha a reforma ortográfica gente. A Profa. Amarílis Tupiassu precisa participar dessa campanha) até conteúdo mas a forma de registro aparece complicada.

Juvencio de Arruda disse...

Seria uma honra para este blog se a querida professora aparecese por aqui. Vou tentar um contato com ela.
E sou inteiramente a favor das correções, desde que este blog começou.
Obrigado.

Anônimo disse...

Pra dominar um a língua morta até que o Berbary tá muito vivo.

Juvencio de Arruda disse...

Vivo, simpático e com um monte de lenços cheirosos.

Anônimo disse...

Consegui uma vaga prá minha filha no curso do Berbary, a procura é alta, quase não consigo. Disse-me ela que ele rasga mesmo as redações da moçada que estão abaixo da média. Agora entendo porque, ele fala até latim rs rs rs...
tô doido que ele rasque as redações da minha menina, assim ela aprende a escrever, melhor que uns que ficam elogiando, elogiando e depois a molecada sequer passa no vestiba...
Mas se a professora Amarilis passar por aqui aí eu não escrevo mais comentários, Juvencio, até hoje não sei o que é uma oração subordinada kkkkkkk

Anônimo disse...

O Berbary, salvo engano, é oriundi santareno e ex-aluno do dom Amando, onde lá - em priscas eras - aprendia-se latim no ginasial dos anos 60 com o Irmão Francisco, o "Catita".
Bons tempos !!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Ei professor Berbary continuas o mesmo. É uma honra ter sido sua aluna. Um grande abraço.

Aline Brelaz