17.3.09

Violação


Este out door, patrocinado pelo Forum Belém, foi programado para ficar exposto em quinze lugares espalhados pela cidade entre 3 e 18 de março. Mas um levantamento feito pelo Forum mostra que seis foram substituídos por outro out door; dois foram raspados; em quatro a expressão "Violados" foi substituída pela inscrição "Jatene Ladrão" e somente tres estão intactos.
Por causa disso os membros do Forum estão reunidos neste momento no Sindicato dos Médicos, e de lá mandaram esta pauta ao blog, por e.mail.

72 comentários:

Anônimo disse...

Esse é o PT governista. Não aceita críticas,e parte para a baixaria. A democracia, pra eles, é só retórica. A prática é dita dura.

Anônimo disse...

Não conheço Fórum Belém, o que é isso? Representam quem, o quê?

Anônimo disse...

Quem diria, este blog é direitona radical.

bloda disse...

pô, mas ficou feio mesmo, já não basta o desgoverno pro estado aturar?

Anônimo disse...

O deputado Clodovil Fernandes acaba de bater os scarpins.. digo, as botas.

Quem vem aí é o Coronel reformado Jairo Paes de Lira - linha duríssima, um dos entusiastas pela campanha do "Não" em 2005; daqueles que acha que bicha deve morrer na forca e que ladrão deve ser enterrado em pé: Fleury Way of Rule.

Porém, se não fosse devido um certo gay, jamais chegaria ao parlamento federal com seus micro 6 mil votos (enquanto os deputados por SP tem cerca de 150 mil).

Caso Paes de Lira não assuma, finalmente virará deputado o empresário que bancou toda a "festa" e que esperava ser puxado "no rabo do cometa" por Clô em 2006, com magnos 5 mil votos.

Anônimo disse...

Juca,

Não sou do Fórum mas aproveito o espaço pra mandar uma sugestão: chamem a imprensa "interessada" (eu acionaria com certeza os blogueiros), relatem o fato e digam qual o nome da empresa que contrataram para os outdoors.

J. BEÁ

Anônimo disse...

Esta peça, tem assinatura da GRIFFO e de gente que hoje esta na comunicação do SEBRAE. Etá PT, coloca no SEBRAE um dos maiores opositores da Governadora e o mesmo povoa o SEBRAE com vários Tucanos. Ninguém entende as estratégias deste Governo, Realmente estão trabalhando pra devolver o Governo aos Tucanos.

Anônimo disse...

Bem, esta mensagem enviada diretamente do Sindicato dos Médicos serviu para uma coisa: sabermos quem está por trás desse "genérico" Fórum Belém.

Anônimo disse...

Juca,
Você poderia nominar os membros do tal "Fórum Belém"?.
Soa muito genérico essa frase que você publicou "e de lá mandaram esta pauta ao blog, por e.mail".
Enquanto você tenta responder a perguntar acima.
você também poderia perguntar aos signatários do tal "Fórum Belém" se eles sabem quem susbstituiu os seis, quem raspou os dois e quem nos quatro substituiu por "Jatene Ladrão".
O ato foi de um, dois ou três personas?
Um abraço.
Antonio Damasceno Rocha

Anônimo disse...

Mas quem é essa galera? Qual a alternativa que eles apresentam? Precisamos saber.

Anônimo disse...

Quem faz parte desse forum? quem paga as contas?

Anônimo disse...

Quem são os membros do Fórum Belém?

Bia disse...

Bom dia, Juca querido:

saúdo seu retorno! Por pura saudade e por sentir que sua ausência cotidiana empobrece também os meus dias.

Beijão.

Juvencio de Arruda disse...

Olá, queridona. Saudades de vc também, que empobrece o Quinta quando não passa por aqui.
Bom dia pra vc.
Bjão.

Anônimo disse...

Independente de quem faz parte ou não do Fórum Belém, o importante é que alguém teve coragem e iniciativa de colocar num out door, pra todo ver, como nós paraenses estamos vendo nossos direitos... VI-O-LA-DOS!
E alguém tem dúvidas de quem mandou rasgar ou substituir o "Violados" por "Jatene ladrão"?
Lógico que foram os "companheiros", que sem argumentos, partem pra baixaria.

João Carlos Rodrigues disse...

Não faltava mais nada! Independente de quem compõe o tal "Fórum Belém", na "TERRA DE DIREITOS" não temos nem mais o direito à livre expressão de idéias?
Só faltava mesmo, meu amigo Juvêncio, essa "Venezuela paraense", onde, agora se sabe, só são aceitos elogios e querem silenciar a oposição na marra.

Anônimo disse...

Muito boa a iniciativa de expressar a discordância com o governo do Estado em autidor...Seria bom que o Fórum Belém também mostrasse indignação com a situação da saúde, educação ....em Belém. Ou será que os direitos violados só acontecem depois do entroncamento. E quanto aos petistas e fauna acompanhante (são aliados do Dudu não são????Pelo menos foi o que deu a entender nas últimas eleições!)Rasgar outdor ou bater o pé não vai adiantar, o melhor a fazer é cobrar da governadora respeito aos princípios da moralidade pública na gestão do Estado. Uma vez que não é possível enxergar um mínimo de projeto político para o Estado.

Cláudio Teixeira


P.S: Seja bem vindo a baía do Guajará Juvencio. Estou assinando Cláudio Teixeira, por que outro dia vi um comentário de um anônimo que se assinava também Cláudio, isso é só pra tentar delimitar claramente a expressão da minha opinião.

Juvencio de Arruda disse...

Ok, Teixeira, obrigado.

Anônimo disse...

As perguntas permanecem no ar: quem são os membros do Fórum Belém? Quem pagou a conta do anúncio assinado pelo tal fórum?

Anônimo disse...

PT, please, não cale os críticos, mas arregace as mangas e mude a realidade! Ao trabalho companheirada!

Anônimo disse...

Já que o anônimo 10:56 insiste em perguntar, pego carona e pergunto: quem mandou rasgar o "violados" dos out doors? Quem mandou substituir o "violados" por insultos ao ex governador? Quem teria interesse em não ver explicitado publicamente a indignação da população com o estelionato eleitoral que representa o governo Ana Júlia?
Quem? Quem?

Diógenes Brandão disse...

Quem dera a Dona Maria, o seu João e eu ter grana para bancar uma só outdoor para expor minhas opiniões à cerca das contradições existentes no discurso político de nossa pólis.

O Fórum Belém tende a ser legal, assim como o MST, mas deve assumir quem o banca, quais as proposta que tem, no que diverge, quais seus representantes, etc...

Caso não o faça, não passa de um micro-movimento defensor de interesses que muitas vezes passa longe das necessidades da maioria do povo paraense que agonizou décadas para ter seus direitos garantidos e que agora diante de dois anos do primeiro governo petista, vem financiado por sabe lá quem "bater" na gestão Ana Júlia, sendo que não se manifesta à gestão da cidade que traz em seu nome.

Se fosse legítimo traria críticas à todos os que nada fazem para que a SEGURANÇA, EDUCAÇÃO, SAÚDE e CULTURA, sejam políticas de Estado e não de governo, trazendo à tona a responsabilidade de todos as esferas e instituições públicas deste país.

Pra mim, por causa do dito acima o Fórum Belém é uma farsa e não merece o Ibope que estão lhe dando ao rasparem e riscarem pondo o nome de um personagem que todos sabem o que fez (Jatene) do governo Jader até os doze anos do PSDB-PFL.

Anônimo disse...

Tudo bem que o slogam já "sifu", mas será que antes do atual governo os direitos eram respeitados? Foi a Ana Júlia quem criou os problemas do Pará? Esse fórum belém se parecemuito com o famoso "Cansei", de triste memória, e mais uma ofensiva eleitoral da oposição. Quem quiser que embarque nessa.
Pará, terra da direita!!!!

Anônimo disse...

Depois de ler todos os comentários acima, fico imaginando como se comportam os poderosos de plantão, seus afilhados, puxa sacos e aproveitadores de ocasião.
Aqui e agora, além de ser uma terras de direitos violados, parece que também querem que seja terra onde é PROIBIDO DISCORDAR E SE MANIFESTAR.
Reparem que muitos comentários são muito mais manifestações desancando o outdoor do que a baixaria de colar um panfleto por cima (tentativa de esconder as entranhas desse gobierno lindo e maravilhoso da tia Ana)!
Imagine o nivel da próxima campanha eleitoral...nome de mãe vai ser pouco.
Típico de quem não tem argumentos.

Anônimo disse...

Sugiro aos opositores do tal Fórum abandonar a prática anti-democrática, aqui nesta caixinha creditada à petistas ou seus simpatizantes.
Em contrapartida, sugiro a adoção de estratégias mais republicanas neste embate de idéias, tais como nossos queridos PSDBistas adotaram em Abetetuba...

Levi Menezes

Anônimo disse...

Os cumpanherus esqueceram de combinar com o restante da população de que só vale FALAR BEM E ELOGIAR O GOVERNO POPULAR DA TIA ANA.
Qualquer outra manifestação contrária sofre e sofrerá as "sanções punitivas" do gobierno popular: baixarias e impropérios.

Anônimo disse...

A MENSAGEM FALA UMA MENTIRA OU UMA VERDADE?
AS PESSOAS SE IDENTIFICAM COM A MENSAGEM?
ESSA MENSAGEM PROVOCA UMA REFLEXÃO?
OS PETISTAS NA DITADURA MILITAR ASSINAVAM AS PINCHAÇÕES E BOTAVAM NOME E ENDEREÇO? NÃO? PORQUE?
A SEGURANÇA MELHOROU? A EDUCAÇÃO MELHOROU COM OS KITS? OS QUITES ESCOLARES AGORA É UMA REALIDADE? A SAÚDE FICOU MELHOR?
EXISTE ALGUM ERRO EM QUESTIONAR ESSAS COISAS???? QUEM É QUE ACHA ISSO ERRADO?

Anônimo disse...

Não é de hoje que o Pará tem os direitos violados. E não acredito que Jatene seja ladrão. No máximo, ajudou a violar os mesmos direitos, durante o governo tucano. O problema é esse slogan infeliz. O problema é que a guerrilha política paraense é travada no campo da mesquinharia, da baixaria, das placas apócrifas e das respostas idem. Nesse terreno, os marqueteiros azuis e amarelos são mestres. Vide o Anhanga e o Xô Passarinho, contra diabo e o coronel, em campanhas passadas. Jogavam pedra e escondiam a mão.

Prof. Alan disse...

Não concordar com uma crítica é uma coisa, é normal e aceitável.

Querer desqualificar o crítico taxando-o de "de direita", algo indefinível hoje em dia (Renan Calheiros, Fernando Collor, Paulo Maluf e Jader Barbalho são aliados de quem mesmo?), é no mínimo atestado de falta de inteligência pra argumentar.

A Direita nunca foi democrática e sempre foi corrupta.

A Esquerda só é democrática enquanto não é criticada (e só foi honesta enquanto esteve fora do Poder...).

Se juntar as duas não dá meio copo. Triste retrato esse da nossa política...

Anônimo disse...

O que o Sindicato dos Médicos tem a ver com o Fórum Belém?

Anônimo disse...

NESTA TERRA, NEM A ESQUERDA É DIREITA.

José Ramos disse...

PARA OS ANÔNIMOS E OUTROS QUE FIZERAM COMENTÁRIOS E QUESTIONARAM O FÓRUM BELÉM

Lá vai. O FÓRUM BELÉM é apartidário. Eu comecei com outras 15 pessoas o Fórum Belém, com a primeira reunião no dia 22 de janeiro. Ele resultou da indignação com os crimes que ocorreram em dezembro. Foi a gota d'água. Meu nome é José Francisco Ramos, professor aposentado da UFPA, muita gente me conhece. Nunca me filiei a partido, porque sou independente demais para isso. Votei por muitos anos no PT, apoiei a Ana Júlia, colei cartazes dela em minha casa e adesivos no carro. Mas nunca dependi de políticos nem busquei benefícios pessoais. Ainda há gente fiel a suas idéias, acreditem. São poucos, concordo. E há os anônimos: nesse caso, como imaginar suas crenças?
Os outdoors foram pagos com recursos recolhidos entre os participantes do Fórum. Nenhum sindicato é mais ou menos responsável pelo Fórum. Apenas emprestaram o espaço, porque a causa é justa. Quem não quer mais segurança? Quem não sofreu alguma agressão, física ou patrimonial?
Todos aqueles que demonstraram desconfiança relativa ao Fórum Belém estão convidados a comparecer em uma de suas reuniões. A próxima será no dia 31 de março, das 19 às 21h. COMPAREÇA.
E depois critique, se puder.
Somos de opinião que o problema de segurança no Pará não é da responsabilidade só desse governo. Os passados tiveram a mesma dose de responsabilidade. Qualquer pessoa sensata sabe disso. Não estamos aqui para dar suporte a nenhum grupo político, mas estamos prontos a cobrar eficiência dos governos, seja municipal, estadual ou federal.
Não tenham preguiça, venham ao Fórum, discutam, contribuam. E as críticas maldosas terão menos espaço.

José Ramos disse...

O local da próxima reunião do Fórum Belém ainda está indefinido. Poderá ser no espaço do Fórum Landi, na Praça do Carmo ou no Sindicato dos Hospitais. A data, como anunciei, será 31 de março, das 19 às 21 horas.
Precisamos ampliar o movimento. Compareça à reunião.
Solicitamos aos jornalistas que dêem mais cobertura ao Fórum, porque somos poucos e não temos influência como alguns pensam. Somos apenas cidadãos.
José Ramos

Anônimo disse...

Dificil fiscalizar outdoors espalhados em diversos pontos da cidade, pois os covardes se espreitam na escuridão da noite para VIOLAR nossos direitos, mas no meu carro ninguém ninguém vai mexer.

Vamos transformar 15 outdoors em 15.000 adesivos. Contem comigo!

Perdi duas pessoas queridas, vítimas da insegurança pública, não quero perder mais ninguém!

Francinalldo Oliveira disse...

Eu, Francinaldo Oliveira, advogado, participo do Fórum Belém e não sou ligado a nenhum partido político.
Você que cobrou nossa identidade, deixe o anonimato e junte-se a nós.

Alcindo Neves disse...

Aos "anônimos":
Vocês que estão criticando o movimento, deveriam ler o que está realmente escrito no outdoor. Não nos limitamos apenas a reenvindicar mais Segurança, estamos reenvindicando também: CULTURA, SAÚDE e EDUCAÇÃO. Vamos todos comparecer a próxima reunião do Fórum. Saiam da casca.

Anônimo disse...

quero participar do fórum. Sugiro adesivos para carro também

Dulce Rocque disse...

"Seu" Anonimo,
Eu também faço parte do Forum Belém. E agora, vais pichar a minha casa...?
Sou uma economista aposentada, ameaçada e indignada com o que acontece em Belém. Tu não?
O outdoor original é ofensivo. Quantos direitos são violados diariamente, independentemente do nivel social do cidadão e de quem começou a viola-los...
Não podemos reclamar disso?
Eu lutei abessa contra a censura no tempo da ditadura e tenho que ouvir e ler esses absurdos em tempos de democracia...
Me poupa, Anonomo. É bem capaz de estares mandando esses emails através de algum computer de orgão público, onde encontrastes guarida.

Dulce Rocque

Anônimo disse...

Sou a favor ao uso dos adesivos, quero ver quem vai tirar. Quero ver até onde vai a censura desse governo que se diz democrático.
Por favor, confirmem o local da próxima reunião do Fórum, quero e vou participar desse movimento em favor dos nossos direitos.

Liana Andrade

AUGUSTO NEVES disse...

Eu Augusto Neves, empresário e economista, também faço pate do FORUM BELÉM, iniciativa de cidadãos paraenses que não aguentam mais a insegurança de nossa Belém. Já fui asaltado duas vezes, minha mulher uma.
Quem quiser, participe da próxima reuniã dia 31 de março.

Anastacio Trindade disse...

Fico impressionado como uma pessoa que não têm a ombridade de se identificar, ficar exigindo os nomes das pessoas ou entidades que constituem o Fórum, eu sei quem são as integras pessoas que formam o Fórum mas nao sei o nome do "anônimo" comece tire o espeto de pau da casa do ferreiro.

Cássio de Andrade disse...

31 de março, data simbólica para os que gostam dela. É isso aí, Fórum Belém! A GRIFFO já fez coisas melhores...

Juvencio de Arruda disse...

O caríssimo azulino desta vez acertou... na bandeirinha do escanteio.
A Griffo nada tem a ver com o out door, e faz coisas bem melhores sim.
Abs, Dr.

AUGUSTO NEVES disse...

Cássio você está muito enganado. O Orly Bezerra, proprietário da Ag~encia Griffo, infelizmente ainda não faz parte do FÓRUM BELÉM. Seria uma grande aquisição.
A coincidência de data 31/03 deve-se a uma coincid~encia de ser uma terça-feira 2 semana após a reuniã realizada nesta terça-feira dia 17 de março. Como já foi dita em comentários anteriores, nos reunimos de 2 em 2 semanas das 19H as 21h impreterívelmente.

Anônimo disse...

Misturando bem dá um bom suco de laranjas, esse Fórum Belém.

Anônimo disse...

Acho a idéia dos adesivos perfeita. Onde e quando podemos pegar?
Precisamos mostrar nossa indignação já!
Precisamos mostrar que eles (o governo) não vão nos calar!
Esse DIREITO eles (o governo Ana Júlia) não vão tirar de nós!

Maria Augusta Clemente

Anônimo disse...

Forum, comissão, reunião são palavras bonitas que não resolvem nada. É tudo lari lari como diz o nosso poeta Pinduca.

Cássio de Andrade disse...

Ufa, ainda bem que estou enganado. A GRIFFO sempre fez peças de qualidade para os tucanos. De fato, a linguagem está mais para o DEM raivoso do que ao PSDB garboso. Agora, companheiros petistas, deixem a direita se manifestar, não estamos na Venezuela e paremos com esse negócio de chamar o Jatene de ladrão. Bater em cachorro morto é burrice, tanto quanto o eufemismo.

Juvencio de Arruda disse...

Gol olímpico do Remo, digo, do Cássio...eheh

Anônimo disse...

Ooooooooooooolha ainda é cedo pra chamar o homem de "cachorro morto"... Ele pode resussitar das cinzas!!!

Lia disse...

Cássio, manifestar opiniões e posicionamentos, ainda que contrários às expectativas do governo, não são prerrogativas exclusivas dos direitistas e você, um esquerdista, deveria saber disso.
Cidadãos comuns, sem nenhum vínculo partidário, tem seus direitos garantidos. Cercear esse direito ou procurar ligar os integrantes do Fórum Belém a um grupo político-partidário, seja ele qual for, é nitidamente uma tentativa de desacreditar um movimento que é uma consequência do desastre que é a atual gestão petista, que não satisfeita, cria um slogam absolutamente contrário à realidade de seus feitos e até desrespeitoso com a população [“Pará, Terra de Direitos”]. A liberdade de expressão, desde que responsável, é um dos princípios básicos da democracia.
Quando esquerdistas como você, sabidamente defensores de seus interesses pessoais, se utilizam convenientemente de argumentos vazios para defender o indefensável, acabam provocando estragos muito maiores que qualquer direitista. Partir para baixaria, para o desrespeito a um ex governador, por exemplo, é a maior prova de que contra fatos, não há argumentos.

Lia

Dulce Rocque disse...

Gostei, Lia.
Conseguistes, cala-los....

Dulce

Anônimo disse...

Lia, não sei se lembras, mas quatro meses após o governo do Jatene uma parte da quadrilha que agia sem capuz dentro do governo tucano acabou no fundo do rio Guamá, acorrentados, amordaçados, sufocados. Outra parte terminou flagrada, algemada e enjaulada. E mais outra parte acabou viajando, fugindo e continuam esnobando. Vamos acender velas de dois anos do desmantelamento do que a Lia não via.

Anônimo disse...

Terra de direitos violados era no tempo do Jatene e dos Gabriel. Toda a máfia agindo e ele no banquinho com o violão, desafinando e torturando os ouvidos e outros sentidos de todo o povo desse Estado do Pará.

Lia disse...

Caríssimos anônimos,
Volto a disser, “manifestar opiniões e posicionamentos, ainda que contrários às expectativas do governo, não são prerrogativas exclusivas...”.
Se vocês estão dizendo que havia uma quadrilha ou máfia que agia sem capuz dentro do governo tucano, pergunto: na ocasião isso não indignou vocês?
Pois existem pessoas que se indignam com a realidade que se esconde por trás do que o governo atual chama de “Terra de Direitos”!
O desrespeito com que à população vem sendo tratada quando a atual gestão petista tenta vender pra nós uma realidade que não chega dentro, sequer na porta de nossas casas, que está totalmente fora do nosso alcance, é definitivamente revoltante.
Querer rotular o Fórum Belém como um movimento partidário simplesmente porque ele faz criticas a uma gestão que visivelmente está transformando o estado num caos e pior, usar como tese para desacreditar essa iniciativa argumentos como este de “quadrilha sem capuz ou máfia” é, realmente, tentar justificar o injustificável.

Anônimo disse...

O choro é livre e o esperneio também é justo, mas esse tal Fórum Belém simplesmente não existe, alguns amargos ou dulcíssimas laranjas cometem falsidade ideológica porque se identificam e se lançam como bois de piranha, para serem trucidados. Fazem parte de foruns instituições da sociedade organizadas e ñão gatos pardos pingados.

Anônimo disse...

juvencio covarde tu não publicas comentarios contra teus amiguinhos como esse cassio porque será

Juvencio de Arruda disse...

Ôpa! Vc passou...rsrsrs

Não publiquei, patife, pois vc o tratava no feminino e era extremamente grosseiro, como foi agora.
Além do que, seu pulha, vc nem sequer se assina.
Quem é o covarde?
Tem mais: nunca vi Cássio de Andrade mais gordo na vida.

Eleitor da Ana disse...

Aos governistas de plantão, uma dica, ao invés de serem raivosos e mal educados, honrem as tradições e princípios que supostamente norteam a gestão do Estado e do Partido dos Trabalhadores, respeitem esse movimento social, tão legitimo quanto ao Petista MST (que usa práticas muito mais agressivas que a nossa)e vamos construir o debate, fazer encaminhamentos... uma ferramenta como um blog é valorosa, justamente porque permiti a expressão de sua audiência, o direito ao contraditório. O Fórum Belém, é propositivo, quer dar sua contribuição. Mas antes, apresentem-nos as Políticas Públicas para a Segurança; A ata, pauta, local e data da última reunião do Conselho Estadual de Segurança. Fica o desáfio. Será que existe algum documento desse?? Chega de engodo! Basta! Quantos mais teram que morrer?! Sim, pq as estatisticas reais o FB pode fornecer. NÃO TER SEGURANÇA É TÃO GRAVE QUANTO RIDICULARIZAR O POVO DO PARÁ COM ESSA PROPAGANDA INSTITUCIONAL.

Anônimo disse...

O Programa Pará, Terra de Direitos é a origem do slogan. Este programa pretende atingir todos os 143 municípios do Estado até 2010. Verba de R$ 600 milhões foi direcionado, em 2008, para 39 municípios. Este ano, mais 38 serão atingidos pelas melhorias de condições de saúde, educação, segurança, infraestrutura, tecnologias e outras prioridades determinadas pelas comunidades, em Fóruns permanentes à distribuição de decisões administrativas para fora dos limites da capital, dentro de uma gestão participativa. A visão de desenvolvimento regional, contrariando a municipalização que privilegiava só os partidários do governo, fez surgir 12 regiões de Integração que determinam as necessidades de cada território em decisões das prefeituras e a sociedade organizada tomadas em conjunto: regiões de integração do Araguaia (15 municípos), Baixo Amazonas - 12; Carajás, 12; Guamá, 18; Lago de Tucuruí - sete -; Marajó (16), Metropolitana, cinco; Rio Caeté - 15, Rio Capim, 16; Tapajós (seis); Tocantins, 11 e Xingu com dez. Outro exemplo dessa atuação regionalizada são os Consórcios públicos entre prefeituras e entidades das regiões que indicam necessidades afins em diversas áreas públicas e rompem fronteiras das linhagens partidárias favorecendo o cumprimento dos compromissos assumidos em campanha. É isso aí, fácil, simples e inodoro, o mau cheiro vem do bafo da boca dos detratores, que está muito perto dos narizes.

Anônimo disse...

Participo do F.B mas não concordo com partes dos integrantes que vieram aki, para dar satisfação a alguns anonimos que estão querendo saber sobre o F.B. Não devemos dar explicações a quem não existe.
Quem é que em Sã consciência pode acreditar numa mentira escandalosa "Pará Terra de Direitos".

Diógenes Brandão disse...

Não sei se todos os paraenses que aqui postam suas críticas sobre a frase do programa Pará Terra de Direitos foi lançado pretende alterar este quadro crônico de insuficiência e que não precisamos pensar muito para de forma imparcial e honesta, admitir que não é de hoje que convivemos em pleno caos generalizado, justamente porque a falta de oportunidades aos milhares de jovens da "baixada", a falta de saneamento, o nefasto quadro da saúde pública, o descaso com a qualidade da educação, entre outras mazelas, realidades vivas não vividas pela classe média - ou a pequena burguesia, porque não assim dizer? - sempre esteve se lixando para isso, relegando apelidos de agitadores e desordeiros a quem viesse lutar e defender bandeiras em prol das transformações sociais favoráveis às camadas excluídas de nosso Estado e país.

Imagino que muitos dos que hoje poderiam transformar o Fórum Belém em algo realmente propositivo, apartidário, múltiplo em opiniões e idéias concretas para enfrentar não estejam mobilizados e podem agora estarem fora da pseudo-organização que tenta aglomerar-se, numa suposta resposta à violência em nossa cidade.

Estaríamos mesmo dispostos a criarem ações culturais, programações esportivas, ações de recreação nas áreas vermelhas de Belém, oportunizando o potencial de milhares de jovens e adolescentes, hoje, na linha tênue entre serem cidadãos ou criminosos, dependendo de uma ação de todos: poder público, privado e o esforço de cada cidadão consciente e verdadeiramente responsável com nosso desenvolvimento social.

Que todos tenham e mantenham o direito constitucional, conquistado com sangue, torturas e discriminações daqueles que sempre foram MOVIMENTO SOCIAL LEGIMENTO em nosso País.

Diógenes Brandão

Reproduzido no Blog
"As Falas da Pólis"

Anônimo disse...

Não existe programa "Para Terra de Direitos", ele é um Slogan para enganar os desavisados.Os que tentam defender esta mentira são pessoas que fazem parte do Governo, que teriam todo direito de se defender com dados e não com mais mentira.
Para quem duvida experimente teclar no Google : "mortes na Santa Casa do Pará", "Mortes por assassinato em Belém".
Governadora tire esta propaganda do Ar , não jogue dinheiro público no lixo, ele pode ser melhor usado para melhorar as condições do Povo do Pará.

Eleitor da Ana disse...

Meu caro Diogenes, se o FB tiver que fazer o papel do estado, então primeiro teriamos que depor o governo constituído, mas acredite essa não é nossa intensão, ao contrário... temos sugestões a dar,se a situação não estivesse tão calamitosa, este grupo nem existiria, você num acha?! Se esse Slogan num fosse um engodo, não nos encomodariamos. Mas ao contrário dos seus companheiros, que tem refutar o óbvio, esse movimento já está tento ressonância e a campanha apesar de leviana e irresponsavelmente agredida por "seres misteriosos" que tem nome, sobrenome e filiação partidária...cumpriu o seu papel.. porque a nossa governadora, sua pátroa, que é uma pessoa muito hábil e inteligente, declarou, como noticia o repórter diário, de hoje (22/03/2009), que "nosso sistema de segurança pública está falido", a partir dessa reflexão esperamos que a curva de violência no Estado comece a mudar de sentido e não ser apenas uma pirotecnia política. Mas admiro, sua retidão de ao menos identificar-se, como tem sido a postura dos membros desse grupo, pois não temos rabo preso, diferentes de seus companheiros, que se escondem atrás do anonimato, para mostrar todo seu sectarismo e estreitisse, indo de encontro inclusive, com o seu discurso de construção de um mundo melhor através de ação, como nós estamos fazendo e propondo, não apenas de um discurso vazio. O desafio posto continua. Queremos respostas sobre a antiga pólitica publica que estava sendo implementada, já que tende ser totalmente modificada, segundo vs. Exc., certamente por sua inoperancia e ineficiencia, e a ata da ultima reunião do Conselho Estadual de Segurança. E, como pessoa proxima a governadora, que deves ser, recomende que ela tire essa propagando do ar... Não será uma vitória nossa, mas para preserva-la.. não faze-la vítima da própria corda. Respeite seu eleitorado, ela não precisa disso. A "marolinha" do Lula já o fez despencar 9% de sua popularidade e sabemos que ele está fazendo de tudo para que a crise nos afete o minimo possível...Mas só essa declaração salta aos olhos como deboche, como menosprezo a situação. Esse é o foco. Como você se senti ao pecorrer o jornal e ler tantas atrocidades e bem em baixo ter uma peça publicitária de meia página, pago com o meu e o seu imposto, propagandiando uma Terra de Direitos, que em todas as demais páginas indicam que estão sendo violados?! Menos retórica e mais trabalho.. aí sim, depois o povo julga... Estamos exercendo nossa cidadânia, estamos fiscalizando. Preceito democrático, do qual provavelmente convergimos em gostar de exerce-los. QUANDO NOS SENTIRMOS PLENOS QUANTO AOS NOSSOS DIREITOS RESPEITADOS, FAREMOS QUESTÃO EM PUBLICAR OUTRO OUT DOOR, AFAGANDO O "GOVERNO POPULAR"... MAS POR HORA.. VOCÊS TEM MUITO A FAZER, MUITO.

José Ramos disse...

Primeiro gostaria de salientar que é desagradável ler opiniões de anônimos, sejam elas a favor ou contra o Fórum Belém. Acho que apesar dos pesares não estamos numa ditadura que impede a nossa identificação. E teve um anônimo, cara de pau, limitado intelectualmente, que chamou quem se identifica de laranja. Que burrice. É tão fácil saber que nós somos pessoas reais e não estamos atendendo interesses de terceiros, mas apenas seguindo a nossa consciência. Que não dependemos de benesses desse ou daquele governo, porque temos uma história e uma estabilidade adquirida pelo trabalho. É ridículo o comportamento de certas pessoas. Parece que têm a mente embotada e, provavelmente, o carater enfraquecido. Eu espero que as pessoas elevem o nível das críticas, sejam democratas, não tentem ofender pessoas que nem conhecem. Esses comportamentos não surtem o efeito desejado por seus sujeitos, porque pessoas de melhor nível simplesmente analisam as pretensas ofensas, avaliam seu baixo valor e as descartam como inúteis. Eu sugiro que um espaço democrático como o desse Blog seja melhor utilizado. Por favor, sejam todos um pouco mais responsáveis.
José F. Ramos

José Ramos disse...

AO DIÓGENES BRANDÃO:
Compareça à próxima reunião do Fórum Belém. Venha apresentar suas crítica e sugestões. Nós somos um movimento apartidário em processo de organização. Não acho que o termo pseudo-organização seja apropriado para nós. Você definiu, parece-me, errado o que você não conhece. E isso é um erro, que pode ser evitado.
Venha a reunião do movimento apartidário. Se você é filiado a algum partido e não tem independência, bem, nesse caso avalie se lhe convém vir a nós. É que você pode ficar frustrado, ao perceber que não poderá nos aparelhar. Não será o primeiro, console-se. Mas se não for esse o caso, venha, venha sim ao F.B.
José Ramos

Cássio de Andrade disse...

Em nenhum momento aqui, defendi a prática de revidar com baixarias as provocações de nossos opositores. Repito, não estamos na Venezuela e os fóruns de oposição são legítimos e usam de seus instrumentos para a crítica. O anônimo das 12:11, já contempla o que eu poderia argumentar na defesa de nosso slogan. Não sou covarde, não assino como anônimo, nem escondo que eu participo do atual governo, sim, e isso não me é nenhum demérito. Agora, concordo com o Diógenes, nem me venham ao melhor estilo Gueiros, com milongas. Fórum que aparece próximo a ano eleitoral tem conteúdo político, sim, nem que seja somente em relação a atual gestão do governo. Engraçado que nenhum fórum apareceu nesta cidade criticando um antigo slogan chamado "É Pará, isso!", nem promoveu campanhas agressivas (do ponto de vista publicitário) quanto ao mesmo slogan quando governantes passados diziam que se vivia no Pará uma "sensação de insegurança" e não uma insegurança real. Portanto, senhora, Lia, seja lá quem for, aprenda nos manuais da ciência política o que significa ser "esquerdista", antes de escrever o que não sabe. É mais que hermenêutica, é conceitual. Recomendo-lhe o velho manual organizado pelo Bobbio ou um mais antigo, um panfleto bem elaborado por Lênim, sobre a "doença infantil do comunismo", antes de assacar o que é "ser esquerdista". Quanto ao anônimo que chama o blogueiro de covarde, acusando uma provável amizade entre mim e o Juvêncio, já foi dada a resposta. Agora, Juvêncio, porra, já perdi 10 quilos de meus anteriores 111. Assim, se um dia ainda me vires in loco, me verás mais magro. Anônimo leso, entre mim e o blogueiro há muitas diferenças: sou Leão Azul de nobre linhagem, petista filiado desde 1987, flamenguista, sãopaulino doente desde 1981 (época da dupla Zé Sérgio e Serginho) e ainda votei no Maneschy. O que nos aproxima são os argumentos e bom/mau humor no blog, seu babaca, pois eu sei transitar da academia à lanvaderia. E antes que eu me esqueça, vá à merda e esse negócio de amiguinho é boiolagem.

Juvencio de Arruda disse...

Bom dia, doutor.
Esperava-o em ouro post..s...mas vc também é bem vindo nesta caixinha.
Vc se comporta muito bem por aqui, onde rolam a academia e a lavanderia.
Discutiemos, temos pontos de vista diferents por vezes, mas sempre mantivemos uma relaçao com liberdade e sem agressões há bastante tempo.
Acho natural que a discussão fique acesa, em parte porque é provocada por quem não tem muita experiência nisso ao lado de quem tem até demais, tanto que as vezes se esquece de tolerar o contraditório, o que não é o seu caso. Tanto que num de seus comentários dentre essses quase 70, vc convoca à tolerância.

O slogan "É Pará Isso", específico para a área do turismo, também provocou reações e aplicações para outras áreas, embora não pela equipe de comunicação do governo anterior.
Eu mesmo, aqui este blog, usei-o para criticar a violência inaugurada no governo tucano, num post de 2006, salvo engano.
Infelizmente não haviam blogs antes de 2005 por essas plagas.

Parabéns pelos dez quilos a menos.
Agora vc está vinte mais magro do que eu.

Anônimo disse...

Postar como anônimo é opção que o blog oferece, faz parte da regra dos acessos. É legalíssimo. Sem essa prerrogativa a participação poderia ser muito doce, sem sal.

Anônimo disse...

Quem assina o nome às vezes entra como anônimo e até o dono do blog também entra no anonimato.

Lia disse...

Cássio, quem está assacando o que é "ser esquerdista" é você, não eu meu caro.
E outra, depois de tudo o que você disse anteriormente, esse seu discusso não convenceu, esculhambou o esquerdismo de vez.

Lia

fernando disse...

ESTA VAI PARA AQUELES QUE NÃO SUPORTAM CRÍTICAS.

SE DESEJAR AVACALHAR, AQUI NO BLOG, ANTES VAI DAR DE CARA COM A REPRODUÇÃO DO OUTDOOR, E HEHEHEH, NÃO VAI PODER ADULTERAR.

VAI TER QUE ENGOLIR.

AGUARDE, O OUTDOOR JÁ ESTÁ EM CAMISAS E VAI ESTAR EM ADESIVOS.

QUERO VER O QUE VOCÊS VÃO FAZER PARA ESCONDER O SOL COM A PENEIRA.

kkkkkkkkk