3.3.09

Zorra Total

O pau cantou ontem na sessão da casa de Noca de Nova Déli, segundo a edição de hoje do Público. A vereadora pedetista Teresa Coimbra fez denúncias de superfaturamento no convênio assinado com a empresa que forneceu a logística para o Carnaval e que houve ausência de repasses às escolas de samba no valor de R$ 1,2 mi.
Curioso é que a vereadora, colega de partido do presidente da Fumbel, Raimundo Pinheiro, é da base aliada do prefeito falsário.
A coisa por lá deve estar tão danada, mas tão danada, que até o famoso vereador Gervásio Morgado (PR), aliadíssimo do Seventy e do falsário, ficou a vontade pra baixar o sarrafo num ex procurador da Sudam que teria sido demitido a bem do serviço público na esteira dos escândalos da autarquia, e que hoje é o homem forte na administração da fundação que cuida da cultura da capital. Cuida?
Não é só. O vereador Marquinho da DS, do PT, também conhecido como Marquinhos Terror, denunciou outro escândalo: máquinas de hemodiálise foram adquiridas e até hoje não chegaram nos hospitais públicos mantidos pela prefeitura. A representante da prefeitura nem sabia que as máquinas haviam sido compradas quanto mais se estavam desaparecidas, o horror!
Ninguém se entende na prefeitura de Nova Déli.
Os setoristas das pocilgas sobrancelhuda e nariguda, ao que parece, só cobriram parcialmente a explosiva sessão. Ou se cobriram, os editores encobriram. Ou se não encobriram descobriram que os diretores encobriram.
O que, do ponto de vista da transparência pública, dá no mesmo.
Ponto para o Público. Mais um.

14 comentários:

Anônimo disse...

Salve Rita Lee, muito louca, porem mais conciente do que muitos caretas!!!

A cantora e ativista Rita Lee teve uma daquelas idéias brilhantes, dignas do seu gênio criativo. Reclamando da inutilidade de programas como o Big Brother, ela deu a seguinte sugestão:

“Colocar todos os pré-candidatos à presidência da República trancados em uma casa, debatendo e discutindo seus respectivos programas de governo. Sem marqueteiros, sem assessores, sem máscaras e sem discursos ensaiados. Toda semana o público vota e elimina um. No final do programa, o vencedor ganharia o cargo público máximo do país. Além de acabar com o enfadonho e repetitivo horário político, a população conheceria o verdadeiro caráter dos candidatos”.

Assim, quem financiaria essa casa seria o repasse de parte do valor dos telefonemas que a casa receberia e ninguém mais precisará corromper empreiteiras ou empresas de lixo sob a alegação de cobrir o "fundo de campanha"

http://www.pilandia.blogspot.com/

Anônimo disse...

Aonde foi visto pela última vez os membros do Ministério Público, estariam dormindo em berço esplêndido ou estão hibernando igual à época tucana ? O MP Paraense é o pior do Brasil, só gosta de mídia.

Anônimo disse...

O Público, tá deixando de ser morno.. enfim já era hora de começar a bater em alguém.

Prof. Alan disse...

Juvencio, Mano Velho, por falar em (des)governos, o Jornal Nacional de hoje desceu o piquiá no governo da Ana Julia. E não sem razão...

Anônimo disse...

Essa ta no Portal do jornal mais criticado por você.


Referência-I
Os blogs Quinta Emenda (Juvêncio Arruda) e Espaço Aberto( Paulo Bemerguy) viraram leitura obrigatória nas redações de Belém. Os dois estão sempre antenados com os bastidores da política paraense, principalmente no que diz respeito a escândalos, que vão desde pedofilia a desvio de dinheiro público.

Referência-II
Se você ainda não conhece é bom se atualizar. Os endereços são www.quintaemenda.blogspot.com e www.blogdoespacoaberto.blogspot.com No blog do Paulo Bemerguy ainda é possível ouvir música, se divertir com charges e saber as manchetes dos principais jornais do país.

Eliene disse...

Caro Juvêncio, eu amo esta cidade, sou apaixonada por minha terra. Já tive oportunidade de conhecer outras capitais, mas quando bate saudade da nossa terra, o coração aperta e a gente vê que é hora de voltar.É um sentimento sincero, de respeito, de que tudo possa ser bom pra ela. Tenho saudades quando se dizia "Belém cidade das mangueiras" tenho saudades de tantas coisas boas que esta cidade já teve e fico pensando ela não merecia este destino, de ter este prefeito fajuto, falsário, imcompetente, desonesto. Não realmente ela não merecia isto. Quando este falsário foi reeleito eu quis ir embora,mudar para outro lugar, me sentir humilhada e incapaz,não ia aguentar tanta bandalheira mas 04 anos.Mas toda minha família tá aqui, não podia ficar longe dela, pois não tinha como levar todos comigo, e pelo jeito e pelo andar da carruagem vou ter que aguentar toda essa turma de malfeitores e arrombadores dos cofres públicos, pq nada acontece com eles,nada!nada!.É uma pena, é um triste fim para minha cidade amada. É meu desabafo. Boa noite

IGOR Normando disse...

Juvencio, lendo hoje Caros Amigos a coluna "Picadinhas" e a tua cara.. acho que ele adoraria suas contribuicoes diarias..
grande abraco

Anônimo disse...

O Ministério Público deveria apurar as denúncias, pois o caso é sério. A Fumbel está entrege a pessoas que não valorizam a cultura e ainda desviam recursos públicos - crime de improbidade administrativa. E ainda tem gente querendo abafar o caso FUMBEL . É sinal que tem mesmo algo a esconder.

Anônimo disse...

Parece que a sina do Prefeito é a sigla PC, depois de Paulo Castelo vem aí Paulo Cordeiro que comanda o circo da Prefeitura. Ninguém vai abrir o olho?

Anônimo disse...

Não sei se você tem detalhes disso, Juva, mas vou perguntar: Esse jornal, o PÚBLICO, está conseguindo se firmar em Belém, hoje tão refém dessas pocilgas?

abs

Anônimo disse...

AS secretarias estão discaradas ao ponto de até a base aliada da prefeitura fazer denúncias sobre desvios de verba publica
a que ponto chegamos em Belém.
se um vereador pede auditoria num proprio orgão de seu partido e por que chegou-se num nivel abusivo.

Juvencio de Arruda disse...

Igor, obrigado pela lembrança...eheh. Vou procurar a Caros pra ler a coluna.
Abs.

Anônimo disse...

O Público está em busca do seu espaço. Nada fácil porém é romper as barreiras da mediocridade que tetam desqualifica-lo. Precisamos valorizar a inciiativa, se ele fizer alguma coisa errada julga-lo, o fato é que o jornal já mostra a sua cara e deixa de ser frio para dar suas pancadinha, mas ainda tem muita estrada pra ele.

Anônimo disse...

Caro Juvêncio, essa gatimonha lá na câmara municipal é tudo pura pirotecnia. O alcaide de Nova Déli pertence a base de sustentação da Governadora Ana Júlia (que aliás o apoiou de forma ostensiva na reeleição, isto todo mundo sabe neste estado), portanto estão gastando "bala de festim" atirando somente na direção da SESMA e do prefeito falsário. A SESPA, do governo Ana júlia, tem também imensa resposabilidade nesse cáos, até proque é a responsável constitucionalmente pelo Sistema Estadual de Saúde,além de dirigir o Conselho Estadual de Saúde. Este então está tão apático que parece não existir, a não para viajar para fora do estado. Isso tudo faz parte da "operação faz de conta", esses políticos (vereadores, deputados e outros )querem mesmo é mídia. A saúde da população não conta, veja a penúria dos pacientes com diagnóstico de câncer pelo Hosp. Ofir Loiola, estão na rua da amargura. A falta de articulação desse hospital com as demais unidades de saúde dos municípios é oceânica. Resultado, pacientes estão denunciando que recebem o resultado positivo da doença e depois não podem nem entrar mais no hospítal. A coisa está braba em termos de saúde pública neste estado, mas a solução não vem através dessa pirotecnica. Mas, alguma coisa mais real precisa acontecer pelas mãos do povo que, por não confiar na Justiça, está fazendo "justiça com as próprias mãos". Acorda Ana Júlia, deixa de perseguir o Guedes e começa a trabalhar como gente séria.