11.5.09

Marola

A bancada peemedebista pode agitar a sessão de logo mais na Assembleia Legislativa.

25 comentários:

Anônimo disse...

Comenta-se no arraial peemedebista que o único e ultimo entrave para a debandada geral do partido em relação ao governo, consiste na situação do seu lider na assembléia, dep. Parsifal Pontes. Pois este além de perder o mandato, perderá também a Paratur, ou seja, Pontes e a esposa (que é a presidente do órgão) estarão literalmente desempregdos. Jader estuda a situção de ambos para tomar a decisão final.
Fora isso tudo já foi decidido.

Anônimo disse...

Dizem, também, que o dep. Parsifal Pontes, está exigindo, enfaticamente, que seu nome seja colocado na chapa majoritaria (candidato a vice-governador ou senador)em uma enventual coligação, caso contrario, Pontes, promete abandonar a politica difinitivamente.

Anônimo disse...

Pelo que eu fiquei sabendo, o dep. Parsifal Pontes, está lutando pela vaga de conselheiro no tribunal de contas do estado. Ele inclusive está disposto a negociar a paz, entre seu partido PMDB e o governo pestista. Tudo em nome do tão sonhado posto vitalicio.
Resta-nos saber se ele conseguira demover o cacique JB da ideia de abandonar o governo estadual.
Dizem que ele é um hábil negociador. É esperar pra ver!!!

Anônimo disse...

Fontes petista garatem que o dep. Parsifal Pontes teria tido uma longa conversa com a Governadora, "as escondidas". Na pauta do encontro, sua vaga para o tribunal do contas do estado e seu empenho na construção da renovação da aliança (PMDB/PT) e a permanencia da sua esposa na Paratur.
Dizem que ambos sairam satisfeitos é felizes, após fumarem o cachimbo da paz.

Anônimo disse...

Anotem ai:
Parsifal Pontes - Senador;
Ann Pontes - Deputada Estadual.

luluquefala disse...

Não convidem para a mesma pesquisa o senador Mario Couto e a ex vice governadora Valéria Pires Franco.
Não mesmo.

luluquefala disse...

Inexplicavelmente, o nome da ex vice governadora Valéria Pires Franco não foi colocado na pesquisa encomendada pelo senador Mario Couto ao instituto "Veritate".
Inexplicavelmente também, o senador aparece em primeiro lugar em todas as simulações feitas.
Mais inexplicavelmente ainda, é a explicação dada pelo senador.

Anônimo disse...

Caramba, ele não se decide! ou uma coisa ou outra, estou sem dormir esperando o resultado dessa desaliança!

Anônimo disse...

Palavras ditas pelo deputado Asdrúbal bentes (PMDB) a um interlocutor neste final de semana em Tucumã: "Eu disse ao Jader pra ele ser candidato a governador. Ele tem lugar garantido no segundo turno. E quem ficar de fora, no caso o PT ou o PSDB, apoiaria a candidatura dele. Ele concordou com minha análise, mas disse que falta apenas um detalhe: o dinheiro pra campanha. Eu respondi a ele que poderia ser feito um acordo de apoio à candidatura da Dilma e o Lula garantiria o recurso. Ele ficou de analisar. Mas antecipei que se tiver de apoiar a Ana Júlia abandono a política, pois esse governo é um desastre completo".

Anônimo disse...

É verdade. Cresce nas fileiras do PMDB, prefeitos e vereadores, a tese de que o Jader deve ser candidato a governador. Acham que diante da fragilidade do governo Ana Júlia e da divisão interna do PSDB o momento é esse.

Anônimo disse...

Tudo pela "Paz", que lindo.
Brigar por uma vaga-aposentadoria-boquinha no TCE, que maravilhoso "sofrimento".
Mamãe eu (também) quero mamar....hehe

Anônimo disse...

Juvencio, será que se esse deputado Parsifal pontes tem toda essa moral que os comentaristas acima citaram. Pois dar-se a entender que ele é quem decide tudo no PMDB?.
Te confesso que se ele passar na minha frente não saberei distingui-lo. Nunca o vi mais gordo.
Como é que ele quer ser Senador ou vice-governador se não tem expressão politica nenhuma.

Anônimo disse...

O dep. Parsifal Pontes é disparadamente o deputado estadual mais articulado dentro da cúpula peemedebista, ele exerce uma forte influencia nas decisões do Barbalhão. Parsifal sabe, como poucos, manobrar e manipular, a seu favor, situações tidas como perdidas. Por isso é respeitado e tido como o segundo homem mais forte dentro do PMDB paraoara.
É um homem, por assim dizer, que somente o céu poderá estabelecer o seu limite.

Anônimo disse...

Ao LULUQUEFALA: Como queres colocar a Valéria nesta briga pelo Governo do Pará. Qual o cacife dela? Nas ultimas eleições quase que a mesma fechava a raia e diga-se de passagem que o IVCezal dava vitoria folgada para ela! Será que o pessoal que esta fazendo esta pesquisa para o Tapiocouto é o mesmo que fez para a Valéria na eleição passada?

Anônimo disse...

Você acha, boneco das 6:14 ?
Fique achando.
Muitos, como você, acharam a mesma coisa do Edmilson e da Ana Júlia, e deu no que deu.
E mais, quem disse que a Valéria será candidata ao governo ?
Só você.
E obrigado pela sua idéia.
Bye bye boneco.

Anônimo disse...

Parsival é aquele que comparou Jader a um furacão, que por onde passava destruía tudo.
Ah! Como a política é ingrata em nosso Estado...

Anônimo disse...

Ah, francamente luluviajante, deixa desse besteirol e vai cuidar dos outdoors de prestação de contas das passagens aéreas que é melhor!
Essas explicações sim, nós queremos ouvir de você.

Anônimo disse...

Parcifal para o TCE? Esquece, mano.
suplente deve ficar no seu lugar.

COLETIVO SOCIALISTA REVOLUCIONÁRIO disse...

fato é que é tapiocou msm que vem pro governo, agora oq eu achava eq era oq falaram pode msm nao mais contecer.

teriamos ana julia na reeleição, jader e paulo rocha na dobradinha pra senado, bem... depois que comecei a ver o ensaio de oposição que os pseudo jornalistas da rba fazem, começo msm a ver que barbalhovisc pode vir pro governo, putz ninguem merece!!!

se paulo rocha vem pro senado nao sei mais, ate msm prq a governadora quer ze geraldo, que eu apoio, com a vaga petista ao senado!!!

agora com relaçao a parsifal eu ja conhecia o poder dele de articulação, ele e msm um aluno muito bem apilcado do professor das sobrancelhas juntas!!!

Anônimo disse...

Parsifal de Jesus Pontes sofreu um grande revés quando apostou todas as suas fichas em eleger Joilson(PT) para prefeito de Tucuruí. Com esta derrota, sua maior base esta comprometida, e portanto sua reeleição. Ao meu ver, ele deveria apostar todas as fichas dele nesta vaga para conselheiro do tribunal de contas.

Anônimo disse...

Assim reza o art. 9º da Lei Orgânica do Tribunal de Contas do Estado do Pará:

Art. 9º Os Conselheiros do Tribunal de Contas do Estado serão nomeados dentre brasileiros que satisfaçam os seguintes requisitos:
I - mais de trinta e cinco e menos de sessenta e cinco anos de idade;
II - idoneidade moral e reputação ilibada;
III - notórios conhecimentos jurídicos, contábeis, econômicos e financeiros ou de administração pública;
IV - mais de dez anos de exercício de função ou efetiva atividade profissional que exija os conhecimentos mencionados no inciso anterior.

Segundo o inciso II do artigo supra citado, será que quem responde a processos federais é legitimamente possível candidato à vaga de conselheiro no TCE?

Anônimo disse...

Ao LULUQUEFALA: Agora estas postando como anonimo; porque não mostra a tua cara.

Anônimo disse...

Isso é patrulhamento ?

Ricardo Teles disse...

III - notórios conhecimentos jurídicos, contábeis, econômicos e financeiros ou de administração pública;

* NOTÓRIO = ENSEJA QUE TODOS SAIBAM! COMO SE PROVA PARA QUE TODOS SAIBAM? PUBLICANDO-SE TRABALHOS, TESES E LIVROS OU SEJA, MOSTRANDO QUE TEM CONHECIMENTO DO ASSUNTO OU DA ÁREA.

IV - mais de dez anos de exercício de função ou efetiva atividade profissional que exija os conhecimentos mencionados no inciso anterior.

* SE UM PARLAMENTAR EXERCEU 2 MANDATOS E MEIO (DEPUTADO OU VEREADOR) PERFAZENDO 10 ANOS DE FUNÇÃO, ELE TERIA, TAMBÉM, DE PREENCHER OS REQUISITOS DO INCISO ANTERIOR (III) PARA SE HABILITAR AOS TRIBUNAIS DE CONTAS.

VALE RESSALTAR QUE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NÃO TEM NADA A VER COM MANDATO PARLAMENTAR, A NÃO SER SE FOSSE SECRETÁRIO DE ESTADO OU MUNICIPIO, PRESIDENTE DE AUTARQUIAS OU QUE EXERCESSE UMA FUNÇÃO EXECUTIVA (PREFEITO OU GOVERNADOR) OU que FOSSE MEMBRO DE MESA DIRETORA DO PODER LEGISLATIVO, ISSO POR 10 ANOS.

É MUITO DIFÍCIL NO PARÁ ALGUÉM PREENCHER TODAS ESTAS PRERROGATIVAS PARA SER GUINDADO AOS TRIBUNAIS.
A OAB SEMPRE SE CALA NESTE ASSUNTO.

Anônimo disse...

Juvencio,
Fontes do Palácio da Cabanagem comentam que um grupo, seleto, de deputados peemedebistas começam a ensaiar uma rasteira estratégica nos planos pessoais do dep. Parsifal Pontes. Alguns dizem que ele quebrou a confiança de líder da bancada, ao qual deveria defender, indistintamente, o interesse coletivo do partido. Pois o deputado Pontes tem a agido de maneira ambíguo no imbróglio PMDB/PT. Onde ele diz, publicamente, uma coisa, mas nos bastidores faz outras coisas totalmente diferentes.
Prova disso é a falta de postura do deputado Parsifal, que fala mal de todos os secretários de Ana Julia, mas insiste em preservar a sua esposa, Ann Pontes, no cargo de presidente da Paratur.
Alguns dizem que ele está se enrolando na própria corda da sua vaidade exacerbada.