18.12.08

Maria Bate às Portas do STF

No blog do Jeso Carneiro.

( A prefeita de Santarém) Maria do Carmo não participará logo mais, na sede do Judiciário santareno, da cerimônia de diplomação dos eleitos em outubro.
No entanto, seus correligionários irão ao local, para uma manifestação em protesto à decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) que
indeferiu a candidatura à reeleição da prefeita do PT. O vermelhinhos foram orientados a chegar no ato vestindo preto.

----

Vermelho vestindo preto lembra PMDB.
Isto lembra Helenilson Pontes.
Se Maria dançar também no STF, Santarém vai ficar muito animada nos próximos 60 dias.
Se o deputado tucano Alexandre Von tivesse implementado o Plano V, também seria um forte candidato na nova eleição na Pérola.
Se ela ocorrer.
Ainda tem muito "se" neste cenário.

9 comentários:

Anônimo disse...

Só sefor aquela brincadeira de criança em quem a gente dizia: "Maria fecha a porta que tua mãe morreu"

Anônimo disse...

Maria deve ter direito adquirido afinal ela foi candidata a reeleição e com uma belíssima vitoria.

Anônimo disse...

Tem muita gente por aquí na espera...esperando.
Mas todos eles (no fundo) sabem o que irá acontecer o obvio. Ou seja, absolutamente nada.
E la nave vá!

Tiberio Alloggio

Juvencio de Arruda disse...

Italiano, vc sabe muito bem o que eu acho do governo Beiçola.
Mas saiba que acho que o recurso de Maria ao STF prospera, embora se fosse ministro do STF votaria pela argumentação do procurador da República Ubiratan Cazetta.
Ou seja, peia.
Entre a ( má )reputação e a ( notória) ausência, a sociedade santarena, majoritariamente, escolheu a ausência.
Ela pode, afinal, aparecer por ínvios caminhos.

Anônimo disse...

Maria venceu a eleição com uma margem expressivissima. Não foi uma vitória por acaso. Foi o enterro de Lira Maia e a consagração da prefeita e de seus correligionários. Esse golpe desfechado pelo judiciário, que não respeita a vontade do povo e interpreta a lei com a mesma responsabilidade com que aumenta seus salários, cobre Santarém de vergonha. A cidade realmente vai pegar fogo se houver outra eleição. E quem vai arder não será o PT ou a prefeita. Pode ter certeza.

Juvencio de Arruda disse...

Tsch...tsch...tsch
Podem se rasgar todos.

Anônimo disse...

Infelizmente não é nenhum golpe do judiciário! A Maria errou feio: não pediu exoneração do cargo de promotora e acumulou cargos.

Anônimo disse...

Eu só acho que não devemos pagar pela lerdeza do judiciário. Se os doutos fossem eficientes e ágeis istos já teria sido resolvido.
Mas agora, depois de milhões gasto pelo contribuinte em eleição, dizer que NÃO POOOOODE, é o judiciário mais uma vez assinar atestado de incompetencia, morosidade, ineficiência, dentre outros.
Que tal os doutos bancarem com seu patrimonio pessoal, que muitas vezes se confundem com o nosso, a possível nova eleição?

Anônimo disse...

Tadinha da nhá maria, ela só queria garantir dois empreguinhos e exercer influência política sobre dois poderes (porque dizem que o MP é um tipo de quarto poder). O povo se compadeceu, foi às urnas, ajudar nhá maria a garantir seus empreguinhos. Aí vem esses juízes malvados, apoiados em uma lei perversa e injusta, roubar os sonhos dourados da prefeita.
Que dó.