11.2.09

Sucesso

No blog Espaço Aberto, do jornalista Paulo Bemerguy.

A direção da Funtelpa recebeu surpresa, dia desses, um telefonema do Ibope. O interlocutor buscava informações sobre o porquê – ou porquês – da subida abrupta da audiência da emissora em certos dias da semana.
Uma subida tão relevante a abrupta que, é claro, chamou até mesmo a atenção do Ibope.O fenômeno de audiência atende pelos nomes de Remo e Paysandu.
Quando a TV Cultura transmite os jogos dos dois, a audiência empina.
A audiência vai do traço às nuvens.
A ponto de chamar a atenção do Ibope.

14 comentários:

Anônimo disse...

Só mesmo uma coisa "com tanta cultura" como esta para chamar a atenção do povo.

Agora passa coisa como documentário, história e arte para ver se dá muita gente vendo...

Anônimo disse...

Gosto muito de documentário, história e arte.
Mas a programação da nossa TV Cultura tem apresentado algumas coisas beeeeeeem fraquinhas.
Pra dizer o mínimo.

Quanto a transmitir o futebol, nada contra, ainda bem que é o nosso futebol.Tá necessitando de força.

Anônimo disse...

Papãããããããããõ.

Anônimo disse...

Qual o problema em transmitir o Re x Pa? Considero a iniciativa da Cultura bastante louvável. Não vou ao estádio por medo da violência (lembram do garotinho que morreu atingido por um rojão no ano passado?), mas posso ver os jogos pela tv, sem pagar nada por isso. Bom demais.
Luiz

. disse...

Programação local "dá ibope", Juca!

mauricio disse...

De parabéns o Governo do Estado, a Funtelpa e quem mais for a idéia da transmissão dos jogos de remo e paysandu.
A uma, porque são enormes as chances de criar o hábito de assistir o restante da programação jornalistica e cultural do canal.
A duas, porque infelizmente essa é uma forma inédita de tentar cativar a audiência do interior de maneira a competir com as redes de tv "comerciais"
A três, pois acaba ajudando os clubes paraenses financeiramente e, porque nao dizer, culturalmente (fortalecendo a paixão dos torcedores por seus times)
Sem dúvida uma atitude digna de encomios

Anônimo disse...

A TV Cultura ainda tem a melhor programação regional, apesar de seus problemas de infraestrutura e direção. Já trabalhei na emissora e torço que o próximo concurso leve bons profissionais para engrossar o time da Funtelpa, patrimônio do povo paraense.

Reinaldo disse...

Sou um dos que assiste o futebol, e acho uma jogada de mestre da direção da emissora. Agora bem que a Cultura poderia melhoar a qualidade das transmissões e da imagem que é uma porcaria.

Anônimo disse...

Anônimo das 3:18, leia Nelson Rodrigues e saiba, futebol também é cultura!

Anônimo disse...

Juvêncio, na verdade é bom que e diga prá um torcedor como eu assistir o jogo pela Cultura foi um tormento, a imagem é péssima, aquela história dos out-doors que a cultura iria ter boa imagem em todo lugar É MENTIRA DA GROSSA SÓ PEGA BEM EM ALGUNS LUGARES, AS PROXIMIDADES DO MARCO OU PARA ANANNIDEUA, NOS BAIRROS DO CENTRO A IMAGEM É PÉSSIMA, PÉSSIMA, PÉSSIMA.

Anônimo disse...

Parabenizo a Presidência pela grande porcaria que está transformando a Funtelpa. Transmissão péssima e programação medíocre.
Na outra semana será a festa de lançamento da nova programação. Um detalhe importante para os ouvintes e telespectadores, vocês não estão convidados para a festa, a única coisa que vocês tem a fazer é dá ibope para mais uma programação pífia pois a festa será apenas para governadora, secretários e, mais alguns puxa-sacos que nem sequer assistem o canal 2.
Se serve de consolo, a festa só terá a apresentação de um grupinho de carimbo a noite toda. Agora com essa organização de festa de lançamento imaginem que “maravilha de nova programação” virá.

Anônimo disse...

"Pão e circo"
e dos ruins!

Anônimo disse...

Críticas à parte, acho que o projeto de transmissão dos jogos de Remo e Paissandu é uma boa idéia. Porque ninguém nunca fez isso antes? O que dizem que não é cultura são os mesmos que pagam tv a cabo e consomem os enlatados americanos.

Anônimo disse...

Também, só com torcida Remo o ipobe vai para alturas.