24.4.09

O Carrossel

Os cavalariços tucanos, democratas e ruralistas estão relichando nas caixinhas dos posts que exibiram as digitais destas espécimes na desastrada tentativa de forçar uma intervenção federal no Pará.
Só os cavalariços, é claro, e só porque estão de volta à ordem do dia.
O mesmo aconteceu, antes, com praticantes e apoiadores da pedofilia, assentadores de papel, membros da organização falsária que devasta a capital, exibidores de cadáveres incinerados, distribuidores de cestas básicas, e todas as outras hordas que circulam em torno de um eixo sombrio, e que são alcançadas pelas linhas do blog.
A lista é longa, mas não é maior que o dedo do blogueiro.

6 comentários:

Anônimo disse...

É a tua querida audiência, esse carrossel.

Juvencio de Arruda disse...

Também...rs
Mas a esmagadora maioria desta querida audiência quer vê-los vc sabe aonde, não é?...ahahaha

Anônimo disse...

Pô, como é que é? "tamanho do dedo"?

Égua, ouvi, pairando no céu de Belém, um ribombar assim: Úiii!rárárárárá

do Lumpemproletariado

rárárárárá (rindo pra porra!)

Juvencio de Arruda disse...

rsrs...te mete, rapá!

Anônimo disse...

Post,
O problem é grande parte dos tucanos é "dona" de muitas léguas de terra: Colares, Megale, e por ai vai porque lista é longa...

Juvencio de Arruda disse...

Megale foi correto em sua posição. Não tenho razões para dizer que Colares se manifestou aqui no blog.
Aproveito para lembrar que uma (ex) legenda petista veio aqui no Pará, a serviço de Daniel Dantas, para chargear a governadora Ana Julia. Foi mal sucedido.
O nome dele é Luis Eduardo Greenhalgh. Ele não é latifundiário. Talvez pior do que isso.