19.4.09

A Flor da Pele

Duas belas morenas, distantes poucos metros uma da outra, estavam na fila do check in do vôo da TAM no aeroporto de Congonhas (SP), ao meio dia de ontem, com destino à Nova Déli e escala em Brasília.
Uma delas, acompanhada da mãe, era uma sósia de Valéria Pires Franco (DEM).
A outra estava acompanhada do pai, digo, do prefeito falsário de Nova Déli, Duciomar Gomes da Costa.
Assustado ao ver a sósia de Valéria, o falsário enfiou um boné na cabeça e saiu de fininho com a mala e a morena. Mas a mãe da sósia ainda ouviu o falsário balir: "Vamos sair daqui, A Valéria está aí".
Tarde demais. A mãe da sósia, que não conseguiu embarcar pois estava na lista de espera, do aeroporto mesmo ligou para o poster contando o caso e perguntando como anda a saúde da cidade.
Respondi-lhe que estava nas mãos do juiz Marco Antonio Lobo Castelo Branco.
Antes estivesse nas mãos das morenas...aças.

12 comentários:

Val-André Mutran disse...

O lambuzo do mel.
Lastimável, mestre!
Niguem aguenta mais.
E povo ó!
No fi o...

Anônimo disse...

Meu caro Juca o detalhe é que o Dudu tem voto, e a linda e educada Valéria necas de pitibiriba. Só!

Juvencio de Arruda disse...

Duciomar tem "otras cositas mas", meu caro das 12:30.
Isso sim é que é só um detalhe.

Juvencio de Arruda disse...

Não há preferência entre bandidos.
Nada de moral cínica por aqui.
O post refere-se á uma sósia de Valéria.
Console-se...eheh

Anônimo disse...

Duciomar tinha votos.
Hoje ele não se reelegeria prefeito, pois seus eleitores acabaram, de vez, por constatar quão nocivo ele é para os interesses do povo e da cidade.
Sou daqueles que votaram nele - na primeira eleição - confiando que ele tinha o direito de corrigir-se depois da fraude do diploma de médico. Quanta ilusão !
O lamentável é que o eleitor confiou-lhe um novo mandato e ele - mais uma vez - mostrou-se indigno de gerir os destinos de Belém.
É desonesto, nocivo e inconsequente.
Triste disso tudo é que foi o povo, o eleitor que deu-lhe a governabilidade de Belém e, então, não podem queixar-se aqueles que assim procederam.
Haverão novas eleições e à ele só cabe um lugar: o ostracismo ou, quem sabe, a cadeia se as autoridades ditas constituidas forem diligentes e sérias no propósito de extirpa-lo da vida pública e dar-lhe um uniforme listrado para apodrecer numa penitenciária.

Anônimo disse...

Vic na Farra de Passagens
Na edição de hoje da São Paulo, vemos o nome do Dep. Federal Vic Pires Franco, que por sua vez, não se limitou a usar cotas aéreas apenas para familiares, tendo agraciado até o namorado de sua filha com uma viagem a Miami

Anônimo disse...

O oftalto-charlatão ainda tem muito voto sim, pode até ter reduzido devido o desastro (des)governo desse irresponsável. O principal responsável disso é o povo, que vive entorpecido por falsas e festivas promessas, pela hipocrisia religiosa, pela mania pequeno-burguesa ditada pelo consumismo alienante e ainda mais qunado bombardeados por uma mídia mentirosa e conivente com práticas nocivas ao erário público. E tem mais: na atual conjuntura dos conchavos de gabinetes, dou uma jujuba de açaí pra quem afirme que esse aspirante de prefeito será cassado.

Juvencio de Arruda disse...

Concordo com vc.
É mais fácil "cassarem" as "metáforas" que poderiam encarcerá-lo.
Prova-o a vida boa que leva. Ele e sus morenas.

Anônimo disse...

Juvêncio, as morenas do post são comprometidas??? Apresente para os amigos, não seja egoísta!

Anônimo disse...

Atenção apreciadores do açaí procedente do município de Muaná (Marajó). Acontece que em fazendas desse município, estão utilizado o trabalho análogo à escravidão para a extração do fruto.

. disse...

Pelo teu post suponho que o prefeito sabe ao menos fazer filha, né?

Juvencio de Arruda disse...

Boca, supunha "tio" no lugar de pai.
Bjs