18.4.09

Lago do Crime

Cássio de Andrade, comentarista do blog, envia um link sobre a morte do sindicalista Raimundo Nonato do Carmo, o Raimundinho, líder sindical em Tucuruí e Conselheiro Estadual do Planejamento Territorial Participativo. E comenta:

Estaremos hoje em Tucuruí, Juva, mas bota lenha, pois o latifúndio está nos dando um recado cruel. A morte desse companheiro, não à toa, ocorreu à vésperas de uma data simbólica para o movimento do campo. É o recado dado pela máfia do latifúndio e seus colaboradores, desafiador ao nosso governo, cujo anúncio começou pela Senadora do DEM quando esteve em Belém para pressionar intervenção em nosso Estado.
Rojões do atraso e do terror, estouram hoje no Lago...
Não vão nos intimidar.

-----

Não são apenas rojões de comemoração que estouram no lago da barragem de Tucuruí. Estouram também as ocorrências de pesca ilegal, narcotráfico e a retirada ilegal de madeira fazem do lago um valhacouto de quadrilhas a desfiar o estado. Essa ocupação do crime é antiga e bem sucedida, registra casos de conivência com alguns políticos locais, prefeitos inclusive, comprovando a inépcia das polícias estaduais.

2 comentários:

Val-André Mutran disse...

Polícia, mestre?
Que polícia?

Anônimo disse...

Pior....
Muito dos latifundiários são Deputados...Estaduais e Federais.