14.4.09

O Caso Vanessa

As explicações da vereadora Vanessa Vasconcelos (PMDB), em matéria na edição de hoje do Diário do Pará, podem até ser verdadeiras no que toca à danação dos asseclas do braço legislativo da organização do prefeito falsário de Nova Déli. Os precedentes dos citados pela vereadora conferem credibilidade ao seu discurso.
Mas ela tem que desmentir a matéria do IVCezal assinada pela jornalista Micheline Ferreira, hoje influente assessora do falsário que faz de um tudo para evitar a abertura da CPI da Saúde, que abriria os bastidores de um importante esgoto de corrupção que devasta a cidade.
São duas questões, às quais devem se somar uma terceira: nada disso descrendencia a atuação da vereadora em defesa da abertura da CPI.
A não ser a moral cínica, claro, há muito combatida neste blog.

31 comentários:

Anônimo disse...

É assim que todos aqueles que defedem a moralidade pública devem pensar e agir para que aconteça: abre-se CPI da Saúde na CMB, CPI dos Kit´s Escolares na AL e processo por falta de decoro parlamentar para a Vereadora Vanessa. Vamos, por parte, livrando-nos dos nefastos políticos no Pará e no Brasil.

Anônimo disse...

Deveriam abrir, também, uma CPI para apurar as denúncias que os donos de jornais vivem trocando. Escândalos na Sudam, fraude no IVC, hotéis fantasmas...

Anônimo disse...

A vereadora tem que explicar essa nomeação espúria de sua doméstica como assessora parlamentar, mas a jornalista Micheline Ferreira deveria prestar contas à comissão de ética do Sindicato dos Jornalistas sobre o fato de usar de sua condição de repórter de O Liberal para atacar os desafetos de seu assessorado, o falsário Duciomar Costa, assim como o jornal. Bem, mas a ética maiorana todos no Pará já conhecem...

Anônimo disse...

Caro juca quando a ana kit julia, nomeou sua manicure, alardearam aos quatro ventos, ela exonerou acabou o problema!!enquanto não se responsabilizar os politicos por seus atos, nada acontecerá!!
Nomeia X exonera: acabou o problema.

Abraço juca

Juvencio de Arruda disse...

Das 12:12, venho falando sempre aqui no blog que coment´parios apoiados na moral cínica não serão postados.

Anônimo disse...

Enquanto isso na Fundação Carlos Gomes, pergunta-se: Para que será esse convênio?????

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31398 de 14/04/2009
SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA
FUNDAÇÃO CARLOS GOMES


DISPENSA DE LICITAÇÃO


Nº da Dispensa: 002/2009/FCG

Partes: FUNDAÇÃO CARLOS GOMES (CNPJ nº 14.700.157/0001-34) e FUNDAÇÃO DE APOIO À PESQUISA, EXTENSÃO E ENSINO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS (CNPJ nº 01.821.471/0001-23).

Objeto: Desenvolvimento de ações e execução de atividades com a finalidade de aprimorar os instrumentos administrativos da Fundação Carlos Gomes.
Valor: R$ 300.000,00 (trezentos mil reais).
Fundamento Legal: Art. 24, XIII, da Lei 8.666/93
Data da Assinatura: 06/04/2009
Ordenador Responsável: Daniel Freitas de Araújo

?!?!?!?!?!?!?!?!?

Anônimo disse...

Pessoal o que a nota diz aqui no blog é sobre a contraventora Vanessa. Acho que a CPI da saúde deveria sair mesmo, mas essa é outra história, o que estamos tratando aqui é essa safadesa da Vereadora. Porque o prefeito é safado ela tem que ser também? cada qual com seu cada qual, ela tá erradissima e nãopodemos apoiar isso aqui nesse blog de pessoas ilibadas

Juvencio de Arruda disse...

Quem está apoiando a vereadora Vanessa neste "blog de pessoas ilibadas"?
Francamente...

Anônimo disse...

A Vereadora pisou na bola feio, isto em qualquer parte do mundo chama-se roubo, mas quem fez tal coisa é uma Vereadora e como Vereadora não pega nada, aliás não é porque ela é Vereadora e sim porque é politica. Se fosse um caso com um pobre a estas horas ja estava em uma cadeia fétida e o seu retrato publicado na primeira página de jornal dizendo que a policia prendeu um ladrão. Vanessa aproveita a oportunidade e denuncia seus colegas que fazem a mesma coisa, assim a sua situação melhorará.

Anônimo disse...

Vanessa, aproveita a onda é pede renuncia, isto é o minimo que esperamos de Vossa Excelência, se voce não saber como é feito este requerimento, consulte alguem que saiba, para que o Arbage não arquive! Que desgraça de politicos são estes do Pará, um bando de fariseus.

Anônimo disse...

Independentemente da Micheline Ferreira ser assessora de imprensa do Ducioftalmo Costa, os fatos contra a vereadora Vanessa são contudentes. Só resta uma saída pra ela: pede pra sair 02!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

sabe-se também que o chefe da guarda, nomeado pelo prefeito, que é oficial da polícia militar do estado, não foi dispensado pela Governadora para exercer esse outro cargo!

Anônimo disse...

Se tem a assessoria do alcaide chumbo grosso pra usar contra a Vereadora foi a própria que a ofereceu por um único motivo: Dele não se afasta no quesito moralidade pública, quem desvia 192.000,00 (equivalente a quatro anos) desvia 1 milhão.

Anônimo disse...

Juca querido, a Vanessa pisou na bola. Mas quem bate nela tem um teto de vidro bem maior. Nesse meio estão vereadores, assessores da organização PMB/171 e da casa de noca, além de "jornalistas" de pena e tudo mais de aluguel.

Anônimo disse...

"Pisar na bola" é um erro fortuito, circunstancial.. o que a vereadora Vanessa fez foi um roubo planejado e executado sistematicamente, mês a mês, há anos...

Anônimo disse...

"Pisar na bola" é um mero erro circunstancial. O que a vereadora Vanessa fez foi um assalto planejado e executado friamente e de forma sistemática.

Anônimo disse...

Quem bate nela não interessa. O que interessa é que ela pisou na bola feio e bota feio nisso, especialmente porque a Vanessa era tida como proba e atuante.
Hoje ela é mais uma decepção na política, que precisa de renovação.

Anônimo disse...

Lembra quando ela pôs a irmã como assessora? a desculpa foi a mesma: diante da "sacrificada" vida parlamentar ela precisa estar rodeada por gente de confiança e neste quesito, ninguém melhor que um parente! A Vanessa é uma jovem política, mas a desculpa dita pela própria publicamente e cinicamente parecia daquelas "velhas raposas" da política nacional. Aprendeu direitinho os passos do Padinho, aff....

Juvencio de Arruda disse...

Se essa irmã da vereadora for a Gisele Vasconcelos, duvido que qualquer Vanessa pudesse ter feito escolha melhor.
Nada a comentar sobre o restante de seu comentário.

Anônimo disse...

Conheço a Gisele. Era assessora e trabalhava muito. É uma mente que brilha. Ela deve estar envergonhada da irmã.

Anônimo disse...

Amigo Juvencio, a Gisele, tudo bem.. Ela não fazia nada por lá, mas é muito legal..
Agora, não perca a conta: a Vanessa também empregou (ou emprega) em seu gabinete:
o pai (assessor parlamentar)
a mãe (assessora "de comunidade")
a tia (recepcionista)
o marido (chefe de gabinete)
o primo do marido (contador)
além de encaminhar vários projetos de captação de verba pública para a banda de rock/carimbó do irmão...
É mole ou quer mais??

Anônimo disse...

Respondendo ao seu comentário das 1:47,é né Juvêncio, a competência...obrigado por lembrar, é que com tantas mazelas agente fica desacreditado em qualquer declaração, mas juro que quando vir matérias e críticas como estas vou ser mais condescendente, afinal por que não ampliar o crédito aos demais políticos?

"Todo deputado tem um parente. Temos de discutir como fazer essa triagem, sou contra condenar um parente competente, porque tem político na família".
diz o líder do PTB, José Múcio Monteiro (PE).
“Roberto Requião (PMDB), que nomeou a esposa Maristela e o irmão Eduardo para secretarias especiais”
“Beto Richa (PSDB), nomeou a esposa, Fernanda, para a direção da Fundação de Ação Social . O prefeito nomeou também o irmão, José Richa Filho, para o cargo de secretário de Administração”
“A prática do nepotismo chegou aos governos de 8 dos 27 Estados brasileiros. Empregam hoje parentes na administração estadual os governadores do Paraná, Roberto Requião (PMDB); do Maranhão, Jackson Lago (PDT); de Alagoas, Teotônio Vilela (PSDB); do Ceará, Cid Gomes (PSB); de Minas, Aécio Neves (PSDB); de Mato Grosso, Blairo Maggi (PR); do Tocantins, Marcelo Miranda (PMDB), e do Pará, Ana Júlia Carepa (PT). Os secretários de Estado em Alagoas recebem salário de R$ 6.100. Por meio da assessoria de imprensa, Teotônio Vilela tem defendido a contratação da irmã com o argumento de que ela é advogada tributarista de reconhecida eficiência não só em Alagoas, mas em vários Estados nordestinos. O governador diz que Fernanda “tem a honestidade que ele conhece e a competência que todo o Estado conhece. “

Sem falar no TCM-PA e no filho do Lula, no qual o argumento da competência foi e é esado até hoje.

Tchau, vou indo tirar minha fé nos políticos que estava guardada no fundo do armário junto da meia do Papai Noel. Valeu!!!!

Anônimo disse...

Rapaz, o pouco que conheço a Vanessa, tenho certeza que foi a má influência deste Coronel pilantra a origem dessa onda toda. Pode ter certeza,pois não vale nada! A folha dele é braba!

Juvencio de Arruda disse...

Vou repetir: Gisele vasconcelos é comoetentee lutadora.
Nada a comentar do restante de seu comentário.
Feliz Natal!

Anônimo disse...

QUE HORRIVEL A DEFESA DA VERADORA NO PROGRAMA DO MAURO BONNA...COITADINHA!!
NÃO TEM COMO SE LIVRAR,DIZER QUE A EMPREGADA PASSOU A PROCURAÇÃO AO MARIDO PQ NÃO QUERIA IR AO BANCO SACAR TAL QUANTIA,TENHA SANTA PACIENCIA.ENTÃO ELE IA AO BANCO SACAVA O DINHEIRO E ENTREGAVA A EMPREGADA E AI NÃO HAVIA MAIS PERIGO??? FALA SERIO!!!
QUE ARGUMENTO TERRIVEL DIZER QUE ARMARAM PRA VEREADORA ISSO PQ ELA ERA QRIA A CPI DA SAUDE,FALA SERIO??
TEM QUE TER CASSADA MESMO!!!

Anônimo disse...

Ao anonimo das 11:54 - Foi comico a defesa da séria Vanessa no Mauro Bonna, esta senhora pensa que todos nos somos uns imbecis, como dar procuração para não ir a casa bancária ou caixa eletronico?´Este é a classe de poiticos que temos e diga-se de passagem que esta senhora era considerada uma das mais sérias e trabalhadora na Camara. Noto que no caso desta Vereadora nada vai acontecer, ninguem fala mais nisto a não ser os blogs, até o jornal que lançou tal noticia já de mansinho vai tirando a sua da reta. A Camara atravez de seu presidente disse que nada vai fazer pois nenhum vereador denunciou a Vanessa e sem esta denuncia formal o regimento da Camara veda qualquer providencia em sanar tal irrregularidade. É uma pena que tudo aqui no Pará caia no esquecimento senão vejamos alguns exemplos: DOUBLE M, KITS ESCOLARES, COMPRA DE DICIONÁRIOS, CURSO DE PILOTO DE HELICOPTERO, ESCANDALO NA JUSTIÇA e POLICIA (caso menor), COMPRA E CONTRATO DE FIRMAS PELA COSANPA SEM LICITAÇÃO e etc.

Anônimo disse...

Será que a Vanessa não pode fazer um favorzinho para mim. Entrar na fila e receber para mim a minha aposentadoria do INSS no Banco do Brasil? Se puder avise o Blog e dê o preço deste serviçinho!

Anônimo disse...

caro amigo juvencio na proxima quarta feira lido votado no plenario da casa de noca o pedido de cassação da vereadora bonitinha mais ordinaria, sera que seus pares vão ter coragem de abrir o processo, pois sua vitima protocolou o pedido na casa de noca hoje.

Anônimo disse...

Juquinha: Se eu desse o meu cartão magnetico para que a Vanessa receba no dia do pagamento a minha aposentadoria no Banco do Pará, correria o risco de não receber o meu dinheirinho?

Anônimo disse...

E este pessoal anda a solta pela cidade, são uns autenticos trombadinhas! Ou melhor dizendo uns trombandões.

jrcamelo disse...

Olá Arruda.

Sou estudante de jornalismo e junto com meus colegas estamos fazendo um trabalho acadêmico que analisa seu blog. Seria possível você nos enviar um contato para uma entrevista? Meu e-mail é: jrcamelo300@gmail.com

Atenciosamente,
Antônio Sérgio Júnior
Estudante de Jornalismo